Notícias Adventistas

Igreja Adventista em Chapecó acolhe grupo de imigrantes

Membros prepararam refeições para os 20 venezuelanos que chegaram à cidade para recomeçar a vida.

Por Paulo Ribeiro 30 de setembro de 2019

Voluntários serviram refeição aos imigrantes (Foto: Divulgação)

Um grupo de aproximadamente 20 venezuelanos foi acolhido pela igreja adventista central de Chapecó na tarde do dia 27 de setembro. Os fiéis serviram refeição e auxiliaram na locomoção dos imigrantes até a casa dos familiares deles que já residiam na cidade desde maio.

O translado do Estado de Roraima, onde a maioria morava, até o aeroporto Chapecó foi realizado pela Força Área Brasileira (FAB). Após isso, uma equipe do Exército Brasileiro os conduziu até o templo. Os militares também participaram da refeição junto aos venezuelanos.

Leia também:

Em Roraima, os imigrantes recebiam ajuda de algumas entidades públicas e outras não governamentais. Entre as instituições que ofereciam apoio estava a Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (ADRA).

De acordo com o pastor responsável pela igreja adventista central de Chapecó, Ademir Garcia Fernandes, foi um integrante da agência humanitária em Roraima quem fez o contato com ele e avisou sobre a ida do grupo para Santa Catarina.

Após serem informados da chegada na cidade, os fiéis locais se mobilizaram e deram todo suporte necessário. De Brasília, o Ministério da Cidadania do Governo Federal combinava e acompanhava via aplicativo de celular a ação da Igreja Adventista.

Em busca de novas oportunidades

Com a crise política e econômica na Venezuela, muitos moradores deixam o país para procurar novas oportunidades de recomeçar a vida. O Brasil é uma das nações onde eles procuram refúgio, especialmente no Estado de Roraima, que faz fronteira com a nação vizinha.

No oeste de Santa Catarina, os imigrantes devem trabalhar em empresas de Chapecó e de municípios  próximos.

Veja algumas fotos da ação:

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox