Notícias Adventistas

Brasileiro coordena iniciativa de voluntariado em Nova York

Um dos projetos incentiva o estilo de vida saudável, enquanto o outro concentra-se em atender as necessidades dos som-teto.

Por Heron Santana 9 de outubro de 2019

Serviços de unidades móveis como a do projeto Wellness on the Go têm trazido relevância e atenção para a missão da Igreja na metrópole norte-americana (Foto: Divulgação)

Em Nova York, uma das cidades mais populosas do mundo e com maior diversidade linguística do planeta, considerada a capital cultural do Ocidente, um movimento está levando pessoas a se expressar pela linguagem universal da compaixão e do amor ao semelhante. Tudo começa a partir de unidades móveis servindo como ministérios de apoio da Igreja Adventista do Sétimo Dia.

Primeiro é reservado um lugar para estacionar o veículo, que pode ser no Central Park, no Brooklyn ou outra área densamente povoada de Nova York, com quase 9 milhões de habitantes. Ali voluntários oferecem serviços como massagem e aferição de pressão arterial, enquanto especialistas aconselham sobre como obter um estilo de vida mais saudável, tudo oferecido de forma gratuita.

Leia também:

Enquanto isso, folhetos da igreja mais próxima são entregues com convites para serviços evangelísticos que incluem aulas de saúde, estudos bíblicos, reuniões missionárias e pequenos grupos. Esta é a rotina do Wellness on the Go (Bem-Estar em Movimento), um ministério de apoio que já chamou a atenção até do prefeito de Nova York, Bill de Blasio.

Bill de Blasio aperta a mão de um dos voluntários (Foto: Divulgação).

Em visita à União Leste Brasileira, sede adventista para Bahia e Sergipe, o pastor Luis Biazotto, paulista de Mogi Guaçu que coordena esse serviço da igreja novaiorquina, apresentou, no dia 8 de outubro, detalhes de como funciona a iniciativa e também o ministério de apoio da unidade móvel Showers Of Blessing (Duchas de Bençãos), que tem servido especialmente a moradores sem-teto na cidade.

Biazotto serve a Igreja Adventista na Greater New York Conference, escritório da denominação para a Grande Nova York, como diretor do departamento de Saúde e do Community Adventist Service (ministério oficial de extensão comunitária adventista no território norte-americano).

Sobre o serviço móvel Wellness on the Go, ele explicou que o ministério existe há mais de 40 anos e foi revitalizado recentemente. “O objetivo é desenvolver um movimento para ajudar as pessoas a prevenir e reverter doenças através de mudanças positivas no estilo de vida”, explicou. É dessa forma que o Evangelho é potencialmente pregado na cidade. “Nosso foco inclui saúde física, mental e espiritual.”

Shower Of Blessings

O pastor Luis Biazotto compartilhou as experiências de serviços da Igreja em Nova York com colaboradores da sede adventista para Bahia e Sergipe (Foto: Divulgação)

Já o serviço realizado pela unidade móvel Showers Of Blessings é caracterizado pela oferta de chuveiros móveis que beneficiam especialmente moradores sem sem-teto na cidade de Nova York, fornecendo inclusive toalhas limpas e roupas. O ministério, parcialmente financiado pela sede norte-americana da Igreja, é resultado de muitos anos de planejamento, segundo o ministro.

“A van é uma resposta ao problema dos sem-teto da cidade – que vive um de seus níveis mais altos desde a Grande Depressão. Esse alívio humanitário não é opcional para a nossa igreja; É obrigatório. Precisamos fornecer serviços para aliviar o sofrimento deles”, pontuou, contando, com emoção, depoimentos de sem-tetos agradecidos pela generosidade deste ministério.

Cultura de voluntariado

Em visita ao Brasil para participar de projetos de voluntários em São Paulo, ele foi convidado pelo pastor Leo Lins, diretor do Serviço Voluntário Adventista da União Leste Brasileira, para compartilhar as experiências desses serviços com a Igreja na Bahia. Além disso, um projeto de voluntariado com a Igreja de Nova York e a Faculdade Adventista da Bahia está em definição para 2020.

Para Leo Lins, dividir experiências bem-sucedidas como o realizado pelo serviço de unidades móveis em Nova York ajuda a inspirar a disseminar a cultura do voluntariado. “O que a gente sonha é que mais pessoas e mais jovens sejam envolvidos em projetos de missão prática, sendo a mão de Cristo, para que a sociedade perceba que a Igreja não é apenas um prédio, mas um movimento de amor”, disse.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox