Notícias Adventistas

Conheça a mulher que participou dos cinco Camporis Sul-Americanos

Sem nunca ter sido desbravadora, Maria Lúcia fundou um clube, em 1980, que atualmente tem 120 desbravadores.

Por Fernanda Beatriz 23 de janeiro de 2019

Organização e disciplina marcam a atuação de Maria Lúcia frente ao Clube Luzeiros do Vale (Foto: Gustavo Leighton)

Aos 88 anos, Maria Lúcia de Souza comanda 120 desbravadores com apenas um assovio. É assim desde 1980, quando ela fundou o Clube Luzeiros do Vale, em Jacareí, no interior de São Paulo. “Às vezes, quando estou andando pela rua, ouço o assovio e já sei que tem algum desbravador ou ex-desbravador por perto querendo chamar minha atenção”, brinca.

Leia também:

Investidura em lenço realizada durante a cerimônia de fundação do clube (Foto: Arquivo / Luzeiros do Vale)

Sem nunca ter sido desbravadora, Maria Lúcia aceitou o desafio de fundar o primeiro clube da cidade. Participou de cursos na capital paulista e recebeu orientações de pessoas experientes na área. Assim nasceu o Luzeiros do Vale, em 30 de agosto de 1980, com 40 integrantes.

Contar a história de Maria Lúcia é voltar no tempo e visitar os cinco Camporis Sul-Americanos. Seu clube participou de todas as edições e já deixou sua marca logo no primeiro, realizado no fim de 1983 e início de 1984, em Foz do Iguaçu. Era o único que contava com barracas padronizadas, que se tornou referência para a região.

“Quando começamos a acampar, não conhecia um lugar para comprar barracas, então mandei uma empresa fabricar. Os outros clubes costumavam usar plástico preto ou lonas de exército, enquanto que o nosso acampamento era sempre bonito. Acho que isso serviu de estímulo”, recorda Maria Lúcia.

Uma das melhorias que ela destaca que foram implantadas desde o evento internacional de 1983 foi a inclusão de um hortifrúti. “A gente sempre precisava trazer tudo, mas hoje não trazemos mais verduras. Compramos aqui”, sublinha.

A amizade que resiste a cinco Camporis

Júlio, Dorothy e Jonas se conheceram no I Campori Sul-Americano, em 1983, e mantêm contato até hoje (Foto: Fernanda Beatriz)

Se era difícil para os clubes brasileiros trazerem toda a alimentação nos primeiros Camporis, a situação era ainda mais complicada para os participantes de outros países. “Não havia estas cozinhas que existem hoje para comprarmos as refeições. Então, éramos adotados por clubes brasileiros”, lembra a peruana Dorothy Noemi.

No I Campori Sul-Americano, o clube dela foi convidado a fazer as refeições com o Luzeiros do Vale, e assim nasceu a amizade entre ela, Júlio Alberto e Jonas Mota. “Em todo Campori a gente encontrava o clube dela e convidava para comer com a gente. Essa amizade dura até hoje e vai durar até a eternidade”, afirma Mota.

Após o evento, ele hospedará a família de Dorothy em sua casa, em Jacareí. “Eles vão passar uns 20 dias. Desde o terceiro acampamento fazemos isso. É uma alegria”, comenta Mota.

O relacionamento com as novas gerações

Maria Lúcia avalia que as gerações atuais exigem um tratamento diferente por parte dos líderes (Foto: Gustavo Leighton)

Além do assovio, Maria Lúcia mantém outros hábitos da época em que o clube foi fundado, principalmente relacionados à organização. “Ainda hoje ela pede para colocar o sapato no canto da barraca, arrumar a cama e por a Bíblia em cima e ter pontualidade em tudo”, assegura Jonas Mota, que participa do Luzeiros do Vale desde a fundação.

Porém, ela avalia a que as gerações atuais exigem um tratamento diferente. “A cada década as coisas mudam, então temos que fazer um jogo de cintura”, adverte. “Os primeiros desbravadores do clube, que hoje têm os filhos comigo, comentam que eu estou muito ‘mole’. Mas é que agora a coisa é diferente”, afirma.

Apesar de a mudança de gerações impor tratamentos diferentes, Maria Lúcia garante que é preciso conservar a essência. “Você tem que primeiro amar o desbravador e demonstrar esse amor. Assim ele se cativa por você, assim ele vai obedecer. Não é por força, é por amor”, aconselha.

Assista ao depoimento de Maria Lúcia:

Veja galeria com fotos do Clube Luzeiros do Vale:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox