Notícias Adventistas

Entrevista apresenta dicas fáceis para estilo de vida saudável

Aspectos como alimentação, sono e como mudar estilo de vida são foco da entrevista sobre vida saudável.

4 de setembro de 2014
Doutor Fred Hardinge, diretor associado do Ministério da Saúde para a área de Nutrição na sede mundial adventista.

Doutor Fred Hardinge, diretor associado do Ministério da Saúde para a área de Nutrição na sede mundial adventista.

Brasília, DF… [ASN] De 1 a 5 de setembro, das 7h30 às 8h30, está sendo realizada uma programação especial sobre hábitos saudáveis de vida na sede sul-americana da Igreja Adventista, em Brasília. O palestrante é o pastor e doutor Fred Hardinge, diretor associado do Ministério da Saúde para a área de Nutrição na sede mundial adventista. Durante a programação também está sendo feita a apresentação de culinária vegetariana com uma receita por dia.

Acompanhe a entrevista feita com o Dr. Hardinge sobre hábitos saudáveis e como promover mudanças.

ASN: Em sua apresentação o senhor falou a respeito de estudos que vêm sendo feitos nos Estados Unidos sobre os hábitos de saúde dos adventistas do sétimo dia. Por que estudá-los?
Dr. Hardinge: 50% dos adventistas são vegetarianos. É um povo que tem uma expectativa de vida melhor, acima da média. É um povo que tem menos taxas de doenças cardíacas e câncer. Todos estes fatores estão relacionados com hábitos saudáveis de vida, como exemplo cito a alimentação: os adventistas fazem uma maior ingestão de frutas, vegetais, nozes, grãos integrais, soja e consomem pouca ou nenhuma carne.

ASN: Resumidamente, quais são então as vantagens da dieta vegetariana?
Dr. Hardinge: Menos doenças cardíacas, menor incidência de câncer, menor incidência de diabetes, menos obesidade, menos hipertensão, menos demência, menos osteoporose e maior expectativa de vida.

ASN: Fale um pouco sobre a importância do sono.
Dr. Hardinge: A falta das horas de sono adequado, que são de 8 a 9 horas por noite, afeta diretamente funções mentais de grande importância: discernimento, julgamento, iniciativa, criatividade e prudência/antecipação. Além disso reduz a consciência do nosso ambiente; reduz a habilidade de processar novas informações de forma eficiente; prejudica a aprendizagem de novas informações; diminui a memória de longo prazo; e a tomada de decisão cai para níveis casuais.

ASN: Por que devemos promover mudanças em nosso estilo de vida?
Dr. Hardinge: O primeiro motivo pelo qual devemos cuidar da nossa saúde adquirindo hábitos saudáveis é para termos mente clara para ouvir a voz de Deus e entender Seus propósitos para nossa vida. O segundo motivo é que com mais saúde e mente limpa temos mais condições de fazer escolhas certas, tomar boas decisões em todas as áreas da vida. E, por fim, o terceiro aspecto é para termos mais vida mesmo, termos uma expectativa de vida melhor.
Há pessoas que invertem essa sequência, mas cristãos não devem, de maneira alguma, alterar esta ordem de prioridades.

ASN: Como iniciar mudanças em um estilo de vida que está mal estruturado?
Dr. Hardinge: É simples. Comece com pequenas mudanças, não queira mudar tudo de uma vez só e rapidamente, isso trará frustrações, já que não conseguirá manter essa mudança radical durante muito tempo. Para que o processo seja duradouro, definitivo, ele deve ser lento.
Vou dar alguns exemplos: se você é uma pessoa que não faz atividade física, comece com 10 minutos e vá aumentando devagar. Se você dorme pouco, aumente 10 minutos a cada noite. Se você precisa mudar a alimentação na sua casa, comece também com pequenas mudanças, uma vez por semana, ou duas, vá devagar. Agindo assim você conseguirá melhores resultados inclusive com sua família, esposo ou esposa e filhos.
Outra dica: Aprenda a conhecer o seu ritmo, pode ser que você consiga um pouco mais rápido. Não podemos comparar as pessoas, somos diferentes, há mudanças que são mais fáceis para uns e mais difíceis para outros. Não podemos exigir o mesmo ritmo de todos.
Por fim, lembre-se de que é preciso persistência e determinação. A cada amanhecer pergunte a Deus: Senhor, o que tens para mim hoje? [Equipe ASN – Márcia Ebinger]

Leia também:

Governo da Guatemala lança iniciativa de saúde adventista

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox