Notícias Adventistas

Dietas alimentares precisam ser feitas com cuidado

Dietas praticadas por veganos, vegetarianos, frugívoros, crudívoros e outros precisam levar em conta a absorção correta de nutrientes pelo organismo.

Por Felipe Lemos 1 de abril de 2019

Dietas com restrições alimentares podem ser perigosas se não houver cuidado com absorção correta de todos os nutrientes para o organismo. (Foto: Shutterstock)

No planeta, segundo dados do site The Vegan Society, a demanda por alimentos sem carne cresceu 987% em 2017 e ser vegano se tornou uma das maiores tendências em 2018. Ao mesmo tempo, uma pesquisa do Ibope, no Brasil, apontou que 14% das pessoas se consideram vegetarianas. Tecnicamente, há diferença entre o veganismo e o vegetarianismo, este último o regime indicado oficialmente pela Igreja Adventista do Sétimo Dia para seus membros. Especialistas esclarecem sobre alguns cuidados que precisam ser adotados com dietas que restringem tipos de alimentos, como é o caso, também, de frugívoros e crudívoros.

O nutricionista Ricardo Vargas, colunista do Portal Adventista, explica que “quando falamos de vegetarianismo indicamos que a alimentação é composta somente por alimentos vegetais, por isso não entraria nenhum produto de origem animal no cardápio. Do vegetarianismo, surgiram algumas derivações como as dietas ovo-vegetarianas (compostas por alimentos vegetais e ovo), lacto-vegetarianas (compostas por alimentos vegetais e os derivados do leite), ovo-lacto-vegetarianas (compostas por alimentos vegetais, ovos e os derivados de leite) e pesco-vegetarianas (com peixe e todos os demais produtos vegetais)”.

Leia também:

Já o vegano, de acordo com o nutricionista, é aquele não come nenhum produto de origem animal e também não usa nenhum produto que tenha sido testado em animais exemplo vacinas, sabonetes, xampus, entre outros. Além disso, não utiliza produtos de origem animal como sapatos, cintos, bolsas e relógio com pulseira de couro.

Reposição de nutrientes

O médico Rogério Gusmão, diretor de Saúde da Igreja Adventista do Sétimo Dia na América do Sul, pondera que a maior preocupação deve estar na reposição correta de nutrientes, seja qual for a dieta escolhida. Ele alerta para a necessidade de que pessoas que optam por certas restrições alimentares não se esqueçam de realizar um bom controle e garantir a absorção da quantidade correta de vitaminas.

Gusmão explica que certos sintomas precisam ser observados por aqueles que talvez estejam com carência de nutrientes. Às vezes, o problema pode ser a própria absorção do organismo, mas, em algumas situações, a dieta é realizada sem o devido equilíbrio.

Veja mais explicações de Gusmão:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox