Notícias Adventistas

Voluntários arrecadam 700 cestas básicas em supermercados do ES

Quem doou os alimentos, levou para casa máscara de proteção, álcool em gel e o livro A Maior Esperança

Por Ayanne Karoline 18 de abril de 2020

Só neste sábado (18), cerca de 200 cestas foram arrecadadas. (Foto: Paulo Donna)

O trabalho de arrecadação de alimentos de um grupo de adventistas dos bairros de Jardim Camburi e Goiabeiras, na capital capixaba, completou três semanas, neste sábado (18). Nesse período, atuando na porta de supermercados da Grande Vitória, eles arrecadaram cerca de 700 cestas básicas. A meta, até o fim de abril, é ultrapassar mil cestas.

Leia também:

Selma doou e ganhou máscara e livro. (Foto: Paulo Donna)

A aposentada Selma da Costa, que sempre faz compras aos sábados, encontrou uma situação diferente neste sábado (18). Ela foi abordada por jovens adventistas e decidiu contribuir. “Tantas famílias precisam! São trabalhadores que perderam o emprego, autônomos que não conseguem prestar seu serviço e famílias que já eram carentes. A oportunidade de ajudar um pouquinho hoje me fez muito feliz”, contou.

Cíntia e suas cinco filhas receberam duas cestas básicas. (Foto: Arthur Henrique)

Algumas cestas básicas já foram doadas para famílias carentes. Uma delas é a da dona de casa Cíntia Valadares, que mora com as cinco filhas em um bairro humilde da região. Ela conta que não tinha o que comer e dar às filhas, quando recebeu a doação de duas cestas. “Revirando o lixo, conseguimos fazer R$5, que deu para comprar uma alface e um repolho. Era só o que tínhamos, até chegar essa ajuda. Estamos muito felizes e agradecidas a Deus”, contou.

Gláucia é costureira voluntária e ajudou na confecção de 15 mil máscaras. (Foto: Arthur Henrique)

Troca por máscaras

A comunidade que já doou, recebeu máscara de proteção, álcool em gel e o livro A Maior Esperança. Na confecção das máscaras, trocadas pelos alimentos, estão 33 costureiras voluntárias. Já foram 17 mil unidades doadas à população. Uma das voluntárias, Gláucia Santiago, trabalha no ramo há nove anos. Ela aceitou o desafio e está trabalhando todos os dias até às 23h. “ Ajudar o próximo é muito bom, porque também traz alegria para nós mesmos”, contou.

Veja reportagem da TV Tribuna (SBT) sobre a ação:

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox