Notícias Adventistas

Evangelismo

Mobilização quer levar cesta básica para 3 mil famílias afetadas pela pandemia

A campanha Mutirão de Páscoa acontecerá nas cidades de Eunápolis e Porto Seguro na Bahia, nos dias 24 de março a 3 de abril.


  • Compartilhar:

(Arte: Divulgação / Igreja Adventista)

A pandemia traz de volta o desafio da fome em uma escala que afeta muita gente. Segundo o IBGE, já́ são 10 milhões de pessoas passando fome no Brasil. Por conta da pandemia, 20,7 milhões de brasileiros estão se alimentando de forma irregular por falta de dinheiro para comprar comida.

Nas cidades de Eunápolis e Porto Seguro, no sul da Bahia, a campanha Mutirão de Páscoa pretende doar cesta básica para 3 mil famílias, que estão economicamente vulneráveis nesta crise. A iniciativa é da Igreja Adventista do Sétimo Dia e instituições educacionais e humanitárias ligadas à igreja. Além das cestas básicas, as pessoas receberão também serviço voluntário de escuta sobre saúde mental através de profissionais da área de saúde, e assistência espiritual através de voluntários que estarão ligando e oferecendo uma oração.

 

Leia também:

 

O presidente da Associação Bahia Sul, pastor Murilo Andrade incentivando a liderança. (Foto: Reprodução)

Segundo o pastor Murilo Andrade, presidente da sede administrativa da Igreja Adventista no Sul da Bahia, a expectativa é que pelo menos, 100 famílias sejam assistidas diretamente por alimentos através de cada distrito da Associação Bahia Sul que totalizam 55 sedes regionais.

A doação das cestas básicas vai acontecer entre os dias 24 de março a 03 de abril, por delivery, seguindo todos os cuidados sanitários. A escuta telefônica funcionará como uma ponte entre as pessoas em crise e os profissionais voluntários capacitados. Não se trata de um tratamento psicológico, mas de um acolhimento e apoio emergencial, em que o psicólogo compartilha com a pessoa que o procurar estratégias cognitivas e comportamentais para diminuir a ansiedade. Os atendimentos são feitos através de ligações dos interessados, e são regidos pela ética e normas dos respectivos Conselhos dos profissionais.

 

Semana Santa na Pandemia

O líder de Ação Solidária Adventista (ASA) para Bahia e Sergipe, pastor Manoel enfantizou a importância de uma igreja acolhedora. (Foto: Reprodução)

Uma live de orientação para realização da Semana Santa e as ações de solidariedade do Mutirão de Páscoa, aconteceu no dia 18 de março voltada para a liderança que estará conduzindo a programação. Cerca de 600 líderes assistiram a live simultaneamente. Durante a live o presidente da ABS fez um apelo para a liderança; "Que experimentemos uma epidemia de solidariedade no sul da Bahia nessas próximas duas semanas e, quem sabe, que esse movimento se estenda por todo o ano e até que Cristo volte. Que as pessoas que estão a nossa volta vejam as nossas boas obras e glorifiquem ao nosso Pai que está nos céus", disse o pastor Murilo.

O pastor Manoel Chaves, líder de Ação Solidária Adventista (ASA) para Bahia e Sergipe, reforçou a

O pastor Manoel reforçou a importância de um cronograma em conjunto para atender a igreja e a comunidade. (Foto: Reprodução)

importância da igreja ter um calendário eclesiástico em que um projeto fortalece o outro, e enfatizou sobre uma igreja mais acolhedora.

"Nós estamos iniciando esse movimento de solidariedade. É hora da igreja se levantar diante de um mundo que está que está caindo cada dia mais...Fazer o melhor para Cristo é também doar-se! Nesse período de pandemia tem tanta gente sofrendo, nós temos visto nossos familiares, pessoas que estão passando por situações difíceis. Em meio a pandemia a generosidade não para. A missão não para. O amor de Cristo deve ser demonstrado", disse o pastor Manoel.

 

Assista a live:

http://https://www.youtube.com/watch?v=HPeQ-wzW5UM