Notícias Adventistas

Jovem estuda a Bíblia com 100 pessoas pela internet

No interior mineiro, Ellen dos Santos tem utilizado a tecnologia para conectar as pessoas à Bíblia.

Por Samuel Nunes 9 de junho de 2020

Ellen usa as mídias sociais para se conectar com os estudantes (Foto: Divulgação)

Há dois meses, o Ministério Jovem da Missão Mineira Norte, sede administrativa da Igreja Adventista do Sétimo Dia para o Norte e Noroeste de Minas, lançou um desafio por meio de uma gincana jovem, e incentivou a juventude a estudar a Bíblia pela internet com os amigos.

O pastor Deusdeth Filho, que lidera o departamento na região, afirma que diversos jovens aceitaram o desafio de levar a mensagem de esperança. “As pessoas adquirem produtos [na internet], estudam, pesquisam, vendem, e a pregação do Evangelho tem que ser adaptada para alcançá-las. Nesse período da pandemia, esse método se mostrou único e muito eficiente. Deus está usando muito nossos jovens para alcançar um público altamente conectado”, frisa Deusdeth.

Leia também:

Ellen Chrystie Ferreira dos Santos, de 18 anos, é um dos vários exemplos de jovens que tem feito da internet uma condutora de esperança para várias pessoas. Atualmente, ela estuda a Bíblia com 100.

A jovem reside no município de Pirapora, distante 171 km de Montes Claros, maior cidade do Norte de Minas. Na entrevista a seguir, ela explica seu envolvimento e como tem ajudado os internautas a compreender mais o texto bíblico.

Como surgiu a ideia de estudar a Bíblia com as pessoas pela internet?

No mês de março, nossa base do Geração 148 central de Pirapora participou da gincana jovem online da Missão Mineira Norte. Dentre os desafios estava o de oferecer estudos bíblicos on-line. Comecei acompanhar os estudos e quando me dei conta já tinham 45 pessoas que aceitaram.

Conte um pouco mais sobre esta sua experiência e o que ela tem contribuído para sua vida espiritual.

Meses atrás eu havia passado por uma cirurgia. Durante a minha recuperação, estava um pouco triste e desanimada. E na sequência veio a pandemia, o que agravou o meu estado físico e emocional. Porém, com os estudos bíblicos on-line eu me recuperei fisicamente, emocionalmente e espiritualmente.

Tem algum dia específico em que você estuda com estas pessoas e qual a dinâmica utilizada?

Sim. Eu estou sempre disponível, porém eu programo os dias e os horários conforme o tempo e a disponibilidade deles.

1° Passo: Eu envio os estudos pelo WhatsApp com o meu endereço de e-mail, para receber as respostas;

2° Passo: O estudante entra no link e faz um estudo por vez;

3° Passo: A cada estudo respondido, as respostas são enviadas para o meu e-mail, e faço a correção.

4° Passo: Continuo interagindo com o estudante pelo WhatsApp e conversamos por chamada de vídeo para esclarecer as dúvidas. É muito fácil e prático.

Ellen dedica em torno de 1h para orar, meditar e estudar o tema que compartilhará com os estudantes (Fotos: Divulgação)

Já imaginou estudar a Bíblia com 100 pessoas e pela internet?

Nunca imaginei! Por ser tímida, tinha dificuldades em oferecer estudos bíblicos, mas com as redes sociais, que hoje é a principal ferramenta de comunicação do jovem, é super tranquilo e gratificante.

É uma experiência que precisa ser vivenciada pelos jovens?

Sim, com certeza! Através dessa experiência, obtive um reavivamento espiritual. Não só ensinei, mas aprendi muito da Bíblia. E o principal: descobri a minha missão, que é salvar do pecado e guiar no serviço.

Tem alguma experiência de alguém que está recebendo o estudo que foi marcante para você?

Sim. Tem uma amiga, que se chama Franciele. Ela estava afastada da igreja durante meses. Por meio desse estudo bíblico nós começamos a interagir, conversar e discutir sobre os temas.

Ela sempre mostrava interesse e procurava saber mais. Todas as vezes que ela tinha dúvidas, me perguntava e nós fazíamos chamada de vídeo para fazer os esclarecimentos.

Durante os estudos bíblicos ela convidou a tia e a mãe para iniciarem a série de estudos  também. Hoje, elas se preparam para o batismo.

Qual sua mensagem, especialmente para os jovens, para que possam compartilhar a mensagem de esperança pelas redes sociais?

Jovens, estamos no meio de uma pandemia, em que nossa esperança neste mundo está incerta. Há um caos na saúde, educação,  até mesmo nos projetos de vida. Porém, temos duas escolhas a fazer: ou lamentamos e choramos pelo tempo perdido e projetos inacabados ou levantamos e façamos a diferença, sendo uma geração viva para este tempo. Vamos viver o evangelho que diz: “Não fui eu que lhe ordenei? Seja forte e corajoso! Não se apavore, nem desanime, pois o Senhor, o seu Deus, estará com você por onde você andar” (Josué 1:9).

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox