Notícias Adventistas

Estudantes distribuem agasalhos para pessoas em situação de rua em Goiânia

Campanha é organizada pela Agência de Missões do Colégio Adventista Jardim Europa

Por Maycon Santos 24 de junho de 2021

Arrecadação dos donativos foi realizada no mês de junho. Foto: reprodução internet

Um levantamento feito pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social (SEDHS) aponta que existem cerca de 1,2 mil pessoas em extrema vulnerabilidade social. Entre esses números estão as pessoas que moram na rua, que, atualmente, enfrentam o frio característico dos meses de maio e junho em Goiânia.

Com o objetivo de ajudar essas pessoas, o Colégio Adventista Jardim Europa promoveu a campanha do agasalho por meio do projeto Agência de Missões. No último sábado (19), os alunos se mobilizaram em pontos específicos da cidade para distribuir as peças de roupas na praça do trabalhador, na Avenida Independência (região da 44) e na praça Joaquim Lúcio, no setor Campinas.

Leia também:

A arrecadação foi realizada com toda a escola, do maternal ao 9° ano do Ensino Fundamental 2. Já as entregas das doações foram realizadas pelos estudantes do 8° e 9° ano. A Agência de Missões é uma iniciativa da Educação Adventista com o objetivo de desenvolver a compreensão e promover a participação de alunos e interessados em falar de Jesus através de ações.

O pastor Lincoln Moretto explica que, no colégio, o projeto acontece em duas frentes: ações internas, voltadas para a comunidade escolar, e ações externas, para a comunidade ao redor da instituição. “As ações possuem ênfase social e espiritual”, explicou.

Para Moretto, uma iniciativa como essa dentro da escola colabora para o desenvolvimento dos alunos no aspecto social e gera responsabilidade de amenizar o sofrimento daqueles que são menos favorecidos. “Isso ajuda os alunos a entenderem que o cristianismo não consiste simplesmente em conceitos e ideias, mas em um estilo de vida de amor e serviço a Deus e ao próximo”, destacou.

Além da entrega, os alunos reservaram um momento para orar com os populares. (Foto: Arquivo pessoal)

Os organizadores contam que quando os calçados já haviam acabado, um morador em situação de rua explicou que não tinha chinelo para usar, imediatamente, o estudante João Pedro pegou o tênis do pé e deu de presente para o morador. O aluno completou a ação descalço, mas feliz porque se sentiu útil na vida de alguém.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox