Notícias Adventistas

Eduardo Lopes

Eduardo Lopes

Gestão para Ação

Entenda, reflita e atue melhor para ajudar no desenvolvimento das pessoas

Legado

A herança dos nossos atos, como líderes, é essencial para quem vem depois. (Foto: Shutterstock)

Assim, de boa vontade … gastarei tudo o que tenho e também me desgastarei pessoalmente. 2 Coríntios 12:15     

Para muitas pessoas o combustível para a vida são os objetivos, realizações profissionais ou as aquisições de bens que podem ser quantificados, vistos ou palpáveis. É comum que, desde a tenra idade de seus filhos, os pais já se preocupem e meios e recursos para oferecer um futuro melhor aos seus filhos.

Leia também:

Ter objetivos na vida é essencial, pois eles nos norteiam e nos motivam. O que me chama a atenção, porém, é que muitas vezes, na jornada frenética para atingir tais objetivos, passamos por cima de valores, princípios e pessoas. O essencial se torna secundário e as prioridades são invertidas.  

O que estou deixando? 

Nossa jornada profissional é muito rápida. Se pararmos por um instante para refletirmos no que fizemos ou ainda estamos fazemos, fatalmente perceberemos que o tempo passou muito rápido talvez nossa reflexão será: Que legado estou construindo? Que influência deixarei gravada nas pessoas que se relacionaram comigo durante minha trajetória profissional?

Tenho visto e conversado com pessoas que, ao se aproximarem do fim de sua jornada profissional, passam a se questionar mais frequentemente sobre o legado que deixaram com aqueles que cruzaram seu caminho ao longo desta estrada.

O psicólogo pesquisador Victor Frankl publicou, em seu livro Man’s Search for Meaning, uma frase marcante: “A principal preocupação do homem não é obter prazer ou evitar a dor, mas sim ver um significado em sua vida (Frankl, 1956, página 6)”.

Convido você a parar e pensar no real sentido de suas ações, decisões e intenções. O resultado delas é algo que você poderá se orgulhar? É algo que outros poderão dar seguimento ou foram meros caprichos?

Juntamente com algumas funções que exercemos conviveremos com maiores responsabilidades, privilégios, riscos, oportunidades, porém o fim chegará para todos e o que ficará?

Faça como Paulo, deixe-se gastar por aquilo que realmente fica, não perca esse foco, todos nós podemos deixar um legado para aqueles que estão e virão após nós nessa jornada chamada vida.

Dicas de leitura:

Em busca de um sentido – Autor: Viktor E. Frank

A Vida é uma arte – Autor: Belisario Marques

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox