Notícias Adventistas

No leito da morte, mulher doa oferta para construir igreja

Hoje, a igreja de Vitória tem terreno próprio e já se reúne no local.

Ao saber que não tinha chance de vida, Dominga pediu para chamar o pastor para ungí-la

Ao saber que não tinha chance de vida, Dominga pediu para chamar o pastor e ungí-la

 

Brasília, DF… [ASN] Pascoal Guarase e Dominga Lima Chambilla vivem em Tacna, no Peru, e sempre trabalharam juntos em sua loja, onde vendem quase todo tipo de mercadoria. Em 1998 conheceram o evangelho e foram batizados na Igreja Adventista de Vitória. Os dois são muito fiéis a Deus e Dominga é muito missionária. Em sua casa, há um pequeno grupo de pessoas animadas e interessadas em conhecer a palavra de Deus.

Leia também: 

Um dia, Dominga estava trabalhando normalmente quando de repente sentiu fortes dores no peito. Tinha muitas dificuldades para respirar. Seu marido Pascoal tentou imediatamente socorrê-la, mas dessa vez seu estado de saúde parecia muito grave. Sua filha tentou diminuir a febre que já estava avançada e alta sem obter bons resultados. Não havia outra a coisa a fazer senão levar Dominga imediatamente ao hospital.

Ao chegar lá, os médicos constataram que os resultados de seus exames eram desanimadores e a família estava muito preocupada. Os médicos que fizeram o atendimento se conformaram em esperar o pior. Ela teve uma insuficiência cardíaca, e como já havia tido infartos prévios em outras ocasiões o prognóstico não era nada bom. O médico disse aos familiares para irem se preparando para o pior, e que se confiassem em Deus, orassem pela cura de Dominga, pois da parte humana tudo já havia sido feito.

Ciente da situação, Dominga pediu que chamassem o pastor do distrito, pois desejava ser ungida. Muito triste, o filho não podia acreditar no que estava acontecendo. Sua querida mãe parecia estar vivendo os últimos momentos de vida. O pastor foi até o hospital e ungiu Dominga com azeite de oliva. A cerimônia de unção foi realizada junto com os entes queridos.

Depois da visita pastoral, Dominga chamou seu filho e disse que ainda queria realizar um último desejo: comprar um terreno e doar para a construção de uma igreja. Enquanto isso, o pequeno grupo da família de Dominga meditava na palavra de Deus, cantava hinos e orava ao Senhor para interceder pela idosa. Numa determinada noite de reunião, o marido de Dominga chegou para contar uma novidade: Deus havia feito um milagre e escutou a oração do grupo. De repente, pediu para Dominga entrar e disse que ela havia sido curada por Deus.

Naquela casa, havia muitos motivos para agradecer a Deus, mas o principal foi o milagre realizado na vida de Dominga. Hoje, a igreja de Vitória tem terreno próprio e já se reúne no local. Dominga frequenta o lugar fielmente com o seu marido e agradece muito a Deus por suas grandes bênçãos. Provai e Vede! [Equipe ASN, da redação]

Veja a história completa no vídeo abaixo.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox