Notícias Adventistas

Trabalho de voluntários resulta em decisões pelo batismo

Comunidade visitada por Calebes em Rondônia foi atendida com atividades sociais e espirituais.

31 de janeiro de 2014
Trabalho-de- voluntarios-resulta-em-decisoes-pelo-batismo3

População recebeu atendimento em relação a diversos serviços de saúde. Voluntários também ministraram estudos bíblicos

Porto Velho, RO… [ASN] Em Porto Velho, os jovens do Conjunto Buritis, que conta mais de 80 Calebes, atenderam os moradores do bairro Jardim Santana, que fica há 40 quilômetros do centro da cidade e possui dificuldades de acesso. Entre os dias 10 e 26 de janeiro, eles atenderam a comunidade por meio de atividades sociais e evangelísticas.

Leia também:

O Norte de Rondônia e o Estado do Acre recebem neste mês de janeiro a quinta edição do projeto Missão Calebe. O objetivo é aproveitar o período de férias estudantis para que os voluntários realizem ações desta natureza em todo o território, assim como acontece nas demais regiões do Brasil e em outros países da América do Sul.

No município, alguns participantes criaram a Calebes House, uma casa que serviu de ponto de apoio para os Calebes que durante o dia visitavam as pessoas daquela localidade e à noite participavam do evangelismo. Uma feira social com corte de cabelo, atividades lúdicas para crianças e atendimento básico de saúde foi organizada na comunidade.

Mas para a efetivação do projeto, antes de qualquer atividade diária, um momento de reflexão matinal era realizado pelos participantes, um período onde eles buscavam orientação divina para atividades que teriam durante o dia e à noite era realizado o programa evangelístico com os moradores locais.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultados

Durante quinze noites, a população se reuniu debaixo de uma tenda para a realização de estudos da Bíblia e, ao final do projeto, 32 pessoas se decidiram pelo batismo. “A realização desse projeto mostra que mais do que pessoas batizadas, nos dá a certeza de que no meio de tantos desencontros existenciais e crise de identidade, nossos jovens ainda são instrumentos do poder de Deus para viver o evangelho prático”, concluiu o pastor Wanderlan Costa, coordenador local do projeto. [Equipe ASN, Leonardo Leite]

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox