Notícias Adventistas

Saúde

Tomar o café da manhã pode gerar melhores notas na escola?

Pesquisas mostram que alimentar o cérebro é essencial para uma boa função cognitiva


  • Share:

A qualidade da primeira refeição do dia influencia os resultados que serão alcançados nas próximas horas (Foto: Adventist Review)

Além de dar energia para começar o dia, o café da manhã desempenha um papel crucial em nutrir seu cérebro. Portanto, o hábito de tomar um café da manhã saudável pode ajudar crianças e adolescentes a ter um desempenho melhor na escola.

Leia também:

Um estudo australiano feito com 824 crianças entre a terceira e a sétima séries constatou que o café da manhã era fundamental para o desempenho escolar. A pesquisa mostrou que a combinação de fazer isso regularmente – especialmente um café da manhã de boa qualidade – e ser ativo impulsionou as habilidades de alfabetização e cálculos. Também ajudou as crianças a vencer as crises de fome que às vezes têm no meio da manhã.

O que comer antes das provas?

Se você tem adolescentes se aproximando do período das provas, certifique-se de manter bons hábitos de café da manhã. Alimentar o cérebro é essencial para uma boa função cognitiva e demonstrou ajudar com atenção, memória, recordação e desempenho acadêmico.

O problema é que, à medida que as crianças ficam mais velhas, é mais provável que deixem de tomar o café da manhã, perdendo nutrientes essenciais que se tornam ainda mais importantes durante a puberdade, quando surgem os surtos de crescimento rápido.

Um recente estudo com adolescentes no Reino Unido analisou seus hábitos na primeira refeição do dia e seus resultados em provas. Descobriu-se que aqueles que raramente tomavam café da manhã tiveram quase dois pontos a menos do que aqueles que quase nunca deixavam de fazê-lo.

Então, qual é o melhor café da manhã antes de uma prova? Há evidências de que aquele com baixo índice glicêmico (IG) ajuda a fornecer uma liberação lenta de energia e níveis estáveis de açúcar no sangue para uma função cognitiva ideal.

Café da manhã simples é o que vale

Uma tigela de cereal antes de seu filho ir para a escola é um ótimo começo. Um estudo australiano mostrou que as crianças que começaram o dia comendo cereais matinais tiveram a maior ingestão de fibras dietéticas e nutrientes, incluindo cálcio e ferro – nutrientes essenciais dos quais as crianças australianas e neozelandesas têm carência.

Portanto, pense de forma equilibrada, nutritiva e deliciosa. Experimente cereais integrais com leite ou leite de soja coberto com frutas ou batidos como uma vitamina; torrada de pão integral com manteiga de amendoim; feijão cozido e abacate na torrada com tomate grelhado; ou uma porção de frutas vermelhas.

Um café da manhã de baixo IG com liberação lenta de energia pode incluir cereais matinais de baixo IG cobertos com iogurte sem açúcar e frutas vermelhas; granola com frutas enlatadas e castanhas; abacate e ovos com torrada de pão de fermentação natural; ou pudim de chia feito com leite de soja e coberto com banana fatiada e canela.

Não se esqueça das bebidas. Elas são tão importantes quanto a comida. As evidências sugerem que a desidratação prejudica a função cognitiva, levando a um mau desempenho nas provas. A água é sempre vencedora.


A versão original deste texto foi publicada pela Adventist Record.