Notícias Adventistas

Congresso de Saúde incentiva mudanças no estilo de vida

Conheça a história de um ex-obeso, que aos 32 anos pesava 119 kg e hoje, com 40 kg a menos, se tornou maratonista.

Por Renata Paes 9 de setembro de 2019

Ricardo Vilela pesava 119 kg. Após três anos, a balança registra 40 kg a menos. (Foto: Arquivo pessoal)

O processo de mudança no estilo de vida e alimentação nem sempre é fácil. Exige renúncia e força de vontade. No caso de Ricardo Vilela, aos 32 anos, a balança registrava 119 kg. O excesso de peso gerou obesidade e uma série de inflamações pelo corpo. O adolescente ativo no futebol e na corrida, havia se transformado em um adulto sedentário.

O perito automotivo despertou para a realidade ao ser alvo de piada por desconhecidos. Numa manhã, na cidade de Nova Serrana, a 125 km de Belo Horizonte (MG), enquanto realizava a perícia de um acidente, ouviu dois homens conversarem. Um deles perguntou onde ficava determinada rua. Ricardo lembra até hoje cada detalhe da resposta. “Você vira lá ao lado do ‘gordão’. Lá onde está o César Minotti (cantor famoso com excesso de peso). Lá é a rua que você está procurando”, conta ele.

Segundo Ricardo, aquela situação gerou nele o forte desejo de mudar. “Percebi que estava virando ponto de referência. Aquilo mexeu com o brilho dos meus olhos”, enfatiza. Ele não pensou duas vezes. Cortou da alimentação o arroz branco, refrigerante, biscoitos recheados e mudou a rotina. “Eu vivia atrás de um computador. Até para ir à padaria, tinha que ser de carro”, diz.

Corrida contra a balança

Academias lotadas, grupos de ciclistas e corredores estão aí pela cidade para provarem que cada vez mais os brasileiros têm buscado por atividades físicas, como um dos meios de abandonar o sedentarismo. Ainda assim, entre 2006 e 2018, a taxa de obesidade no Brasil subiu de 11,8% para 19,8%, de acordo com os dados divulgados, no passado, pelo Ministério da Saúde.

Ricardo sabe bem que o desafio de descer os ponteiros da balança não é fácil. Ele precisou se adaptar a nova rotina. Passou a correr todos os dias ao ponto de gostar tanto, que se tornou maratonista junto com a família. Hoje pesa 79 kg.

Em agosto desse ano, participou de uma maratona e percorreu 42 km e 195 metros. “O ser humano é capaz de fazer coisas que nem imagina. Alcancei meu objetivo e agora elaboro treinos para outras pessoas. Tenho atualmente 17 alunos”, detalha.

Antes e depois de Ricardo Vilela. (Foto: Arquivo pessoal)

Ricardo participa da equipe de atletas corredores chamada Seven Runners. Frequentemente, os participantes se reúnem para competirem em maratonas. O projeto tem abrangência nacional e internacional.

A enfermeira Andreia Lopes, de 49 anos, ficou empolgada com a história de superação de Ricardo, que escutou durante a programação do Congresso Saúde para a Família, realizado no sábado, 7 de setembro, no Centro de Treinamento Adventista (Catre), em Belo Horizonte.

“Estou muito sedentária. Participei uma vez de uma corrida de 5 km e fiz em 38 minutos. Mas fazer parte de um grupo é melhor porque faz a gente ter mais compromisso”, ressalta.

Após escutar a história de superação de Ricardo, a enfermeira Andreia Lopes externou o desejo de também querer fazer parte de um grupo de corredores. (Foto: Renata Paes)

No Congresso, Andreia e os demais participantes assistiram a palestras sobre saúde mental, física e espiritual, com a Drª em Ciências Médicas, Lislei Patrizzi. Outro tema abordou as orientações de Deus para a saúde, com o especialista em Ortopedia e Traumatologia, Arno Ribeiro. Quanto a saúde dos filhos, a publicitária Débora Campos deixou orientações aos pais.  A nutricionista Edna Ribeiro deu dicas de como retardar o processo de envelhecimento.

Leia mais: 

O aposentado Antonio Augusto Bahia, de 69 anos, conta que se interessa por assuntos voltados a melhor idade. Após precisar passar por uma cirurgia no coração, entendeu que quando os anos avançam é preciso desacelerar.

“Eu vivia estressado, trabalhava demais. Faz cinco anos que eu precisei colocar uma prótese na veia do meu coração. Os médicos disseram que ela estava prestes a estourar. Hoje entendo que quanto mais você vive mais você aprende”, ressalta.

Antônio Augusto abandonou a vida corrida e decidiu aproveitar a melhor idade de forma mais leve e tranquila. (Foto: Renata Paes)

Conhecer, desejar e mudar

Para o médico Rogério Gusmão, líder de Saúde da Igreja Adventista do Sétimo Dia na América do Sul, graças aos avanços da tecnologia e informação, as pessoas têm mais acesso ao conhecimento sobre saúde, apresentam o desejo de mudar hábitos não saudáveis, mas nesse processo, tem faltado atitude. “No processo de mudança, temos que nos lançar e fazer a nossa parte”, frisou ele.

Dr. Rogério Gusmão foi um dos palestrantes do Congresso Saúde par a Família. (Foto: Renata Paes)

Durante o Congresso, ele trouxe dados sobre os índices de obesidade e câncer dentro e fora do Brasil. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), a doença não apresenta uma única causa, porém, 80% a 90% dos casos tem a ver com fatores ambientais, como alimentação e estilo de vida.

“A nossa mensagem de saúde nunca foi tão defendida pela ciência. Nós somos considerados o povo da saúde, mas será que nós conseguimos viver isso? O meu desafio é que eu e você tenhamos o propósito de usar essa mensagem na nossa vida. Desbloqueie a mente de que você não consegue”, reforçou o médico.

Dr. Rogério Gusmão mostrou que os conselhos sobre saúde da autora Ellen White já relatavam o que a ciência tem descoberto e comprovado. (Foto: Renata Paes)

Compromisso com a mensagem de saúde

O Líder de Saúde da Igreja Adventista para Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo, Pr. Thiarlles Boeker Portes, ressaltou que os oito remédios naturais e as orientações bíblicas são informações atuais para quem deseja manter a boa saúde.

“Hoje temos muitas informações, mas o povo pode padecer por falta de conhecimento. Há plataformas na internet e periódicos de saúde que se preocupam mais em ganhar recursos do que levar informação. Um dia a gente lê que o ovo é bom, no outro, não é mais. Como igreja, quando paramos para falar sobre saúde, estamos preocupados com o indivíduo, para que faça diferença na família e para o corpo dele, que é templo do Espírito Santo”, pontuou Thiarlles Boeker.

Estilo de Vida 

O homem precisa se relacionar, trabalhar, ficar exposto a luz solar, ar puro, ter descanso, encontrar com Deus, se alimentar saudavelmente e usufruir de tudo que o cerca moderadamente. Esses foram os pontos apresentados pela Drª em Ciências Médicas,  Lislei Patrizzi, ao falar sobre o “Estilo de vida segundo Deus”.

“Deus estabeleceu limites, nós precisamos tê-los também. É muito difícil mudar sozinho. Quando nos propomos a mudar como família, aí fica mais fácil”, reforçou.

Draª Lislei Patrizzi mostrou na Bíblia, as orientações de Deus para se ter uma vida equilibrada. (foto: Renata Paes)

Cerca de 600 pessoas se inscreveram no Congresso Saúde para a Família, que promoveu um dia inteiro de palestras.  O Líder do Ministério de Saúde em Belo Horizonte, Pr. Janderson Dias, acredita que o evento fez com que os participantes refletissem sobre o estilo de vida que tem levado.

” As pessoas saem daqui fortalecidas quanto aos princípios de saúde que a Igreja Adventista prega. Elas, com certeza, voltarão para casa inspiradas, instruídas e orientadas a mudarem e a compartilharem o que aprenderam com a igreja que fazem parte”, destacou ele.

Encontro de Profissionais da Saúde

Para dar continuidade ao tema, no domingo, 8, o Catre recebeu profissionais de diversas áreas da saúde, para elaborarem e criarem projetos de cunho social, que atendam as necessidades da comunidade e ao mesmo tempo levem a mensagem de saúde para à população.

Por exemplo, Feiras promovidas em espaços públicos, que oferecem gratuitamente serviços de aferição de pressão, teste de glicemia,  verificação do Índice de Massa Corpórea (IMC), entre outros, se tratam de ações  voltadas à comunidade e precisam dar continuidade. Além disso, a igreja tem aberto as portas para promover palestras de temas sobre saúde mental.

Confira aqui mais imagens

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox