Notícias Adventistas

Projeto que ajuda jovens a realizar curso superior completa 15 anos

O Sonhando Alto já permitiu que mais de 15 mil jovens fizessem uma faculdade.

26 de setembro de 2015
Projeto oferece treinamento e ferramentas para que jovens consigam fazer uma faculdade.

Projeto oferece treinamento e ferramentas para que jovens consigam fazer uma faculdade.

Brasília, DF… [ASN] Fabrício Nascimento não tinha recursos próprios para cursar uma faculdade. Mas alimentava o sonho de ser um nutricionista. Alcançou sua meta depois de conhecer e participar do projeto Sonhando Alto. Hoje, atua nessa profissão na Prefeitura de Barueri, São Paulo, onde também atende em clínicas particulares. “Quando comecei minha vida estudantil, eu não tinha noção dos sonhos que Deus tinha para mim”, conta ele.

Já Crisney da Silva Deodato, tinha outra meta. Seu grande sonho era ser pedagoga. Mas exatamente como Fabrício, ela não tinha meios para fazer um curso superior. O tempo passou e graças ao projeto Sonhando Alto, Crisney não só realizou seu sonho, como foi além, teve a oportunidade de, durante três anos, trabalhar em Moçambique, na África, onde ajudou a estabelecer a Educação Adventista com a instalação de cinco escolas. Para ela “sonhar alto é andar pelo caminho que Deus traçou para sua vida”.

Leia também:

O projeto Sonhando Alto foi criado no ano 2000, pelo Ministério de Publicações da Igreja Adventista na América do Sul, para atender a jovens que sonham em ingressar numa faculdade e não possuem os recursos necessários. O objetivo da iniciativa é fornecer treinamento e ferramentas para que o interessado consiga recursos suficientes para pagar seus estudos através da venda de publicações de cunho espiritual, familiar e de saúde. Para participar é preciso ter o Ensino Médio concluído, preencher o formulário que consta no site do projeto e aguardar o contato da equipe organizadora. A duração do projeto é de aproximadamente seis meses, geralmente de setembro a fevereiro.

A ideia cruzou as fronteiras brasileiras e, em 2001, teve seu início no Chile como nome de “Sueña en Grande”, nome que permanece até hoje. Em 2002 foi a vez do Equador implantar a ideia, seguido de outros países.

Nesses 15 anos de existência, o Sonhando Alto já beneficiou mais de 15 mil estudantes em todo Brasil, que fizeram cursos nas áreas de Humanas, Exatas e Biológicas, em universidades adventistas e também seculares.

Comemoração

Jovens que participam do Sonhando Alto no Distrito Federal e em Goiânia-GO, formam plateia ao vivo.

Jovens que participam do Sonhando Alto no Distrito Federal e em Goiânia-GO, formam plateia ao vivo.

No dia 26 de setembro, sábado, às 16h, na sede da Igreja Adventista para a América do Sul, em Brasília, houve um evento comemorativo dos 15 anos de existência do projeto. Com o tema “Sonhando Alto – Reescrevendo Histórias” a programação contou com a presença de líderes e de dezenas de jovens envolvidos na iniciativa no Distrito Federal e em Goiânia-GO. Transmitido ao vivo pela Internet e por um canal executivo, o evento foi acompanhado por centenas de outros jovens e líderes nas faculdades adventistas participantes da proposta e em outros pontos.

O idealizador do Sonhando Alto, pastor Adilson Morais, hoje diretor associado da área de Publicações da Igreja Adventista para a América do Sul, comenta que “todo obstáculo é uma oportunidade para a busca de uma solução. É assim que nascem ideias que vêm do coração de Deus, foi assim que nasceu o Sonhando Alto. Na primeira turma tivemos 17 participantes e 15 deles conseguiram se formar, de lá para cá, já contabilizamos milhares de outros jovens que têm vencido barreiras e realizado o sonho de fazer uma faculdade”.

A celebração, segundo o diretor de Publicações para a América do Sul, pastor Tércio Marques, é também um marco para novas iniciativas. “Deus tem sonhos para os seus filhos e cabe a nós vivermos esses sonhos. Milhares de jovens hoje são grandes profissionais porque participaram do Sonhando Alto. Esse programa marca uma nova etapa, queremos que o projeto ganhe força e garantimos que vamos trabalhar para isso”, prometeu.

Mayra Soares Borges, do Distrito Federal, foi batizada no encerramento do evento.

Mayra Soares Borges, do Distrito Federal, foi batizada no encerramento do evento.

Como o Sonhando Alto consiste em levar às pessoas literaturas que promovam o cuidado com a saúde, o relacionamento familiar, a educação dos filhos e livros que anunciam a breve volta de Jesus, há um alcance espiritual do projeto. “O próprio participante desenvolve o espírito missionário graças a esse contato diário com as pessoas”, afirma o pastor Adilson Morais. Confirmando as palavras do líder, fechando a festa de 15 anos do projeto houve o batismo de dois jovens, Lúcio Bentes Pereira Júnior e Mayra Soares Borges, ambos influenciados pelas atividades desenvolvidas no Sonhando Alto. Houve ainda batismos simultâneos em locais onde o programa estava sendo acompanhado.

Para mais informações sobre o projeto Sonhando Alto clique aqui. [Equipe ASN, Márcia Ebinger]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox