Notícias Adventistas

Igreja Adventista no Sul do Brasil exporta 1 milhão de livros para país africano

Sede administrativa também enviou Bíblias e folhetos para projetos na ilha de São Tomé e Príncipe.

11 de agosto de 2014
Sede da Igreja Adventista para o Sul do Brasil (União Sul-Brasileira) doou um milhão de exemplares do livro "A Única Esperança" para Angola em 2014.

Sede da Igreja Adventista para o Sul do Brasil (União Sul-Brasileira) doou um milhão de exemplares do livro “A Única Esperança” para Angola em 2014.

Curitiba, PR… [ASN] A literatura exerceu um papel fundamental no contexto do surgimento da Igreja Adventista no Brasil. Numa época em que a página impressa era raridade no País, os livros e revistas enviados pela Igreja mundial para colônias alemãs do Sul do Brasil, a partir do final do século 19, encontraram corações sedentos pelo evangelho. Hoje, é o Brasil que exporta literatura evangelística para outros países. Uma dessas doações aconteceu neste ano, quando a sede da organização para os Estados de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul (União Sul-Brasileira), enviou 1 milhão de exemplares do livro A Única Esperança para Angola. Também foram encaminhadas 10.896 Bíblias, além de estudos bíblicos, folhetos, hinários e outros materiais que serão usados em projetos missionários nas ilhas africanas de São Tomé e Príncipe.

Leia também

Angolanos vêm ao Sul do Brasil conhecer projetos evangelísticos da Igreja Adventista

Para transportar as 5.229 caixas, totalizando 127 toneladas de materiais, foram usados oito contêineres. Segundo Eduardo Luz, chefe do setor de Expedição da Casa Publicadora Brasileira, trata-se da maior exportação feita pela editora nos últimos 11 anos.

Foram necessários oito contêineres para transportar os materiais evangelísticos doados pela União Sul-Brasileira. Literatura evangelística foi enviada para Angola. Além dos livros, foram doados também Bíblias e folhetos para projetos missionários nas ilhas de São Tomé e Príncipe.

Foram necessários oito contêineres para transportar os materiais evangelísticos doados pela União Sul-Brasileira. Literatura evangelística foi enviada para Angola. Além dos livros, foram doados também Bíblias e folhetos para projetos missionários nas ilhas de São Tomé e Príncipe.

Conforme explica o presidente da União Sul-Brasileira, pastor Marlinton Lopes, a ideia surgiu em agosto de 2013, quando líderes da organização em Angola estiveram no Sul do Brasil para conhecer projetos e firmar parcerias para o evangelismo na região. Para Lopes, é necessário que a Igreja continue tendo uma visão global, destinando recursos não apenas para projetos locais, mas também para as missões mundiais. “No livro Obreiros evangélicos, na página 465, Ellen White afirma que ‘mostrar um espírito liberal, abnegado para com o êxito das missões estrangeiras, é um meio seguro de fazer avançar a obra missionária na pátria; pois a prosperidade da obra nacional depende grandemente, abaixo de Deus, da influência reflexa da obra evangélica feita nos países afastados’. Se o evangelho precisa ser pregado em todo o mundo para que Cristo volte, então temos que ter uma visão global”, ressalta Lopes.

“Temos sentido que quanto mais ajudamos estes lugares carentes, mais Deus nos têm dado”, completa o diretor-financeiro da Igreja Adventista na região Sul, pastor Davi Contri. [Equipe ASN, Márcio Tonetti]

 

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox