Notícias Adventistas

Voluntários impactam ilha turística de Galápagos

Conhecida pelos seus atrativos naturais, a ilha recebeu 150 voluntários adventistas de vários países da América do Sul.

Por Vanessa Catro 19 de julho de 2019

Uma das atividades realizadas pelos voluntários estava a limpeza de algumas ruas da ilha. (Foto: Josué Idrovo)

A alegria em servir envolveu mais de 150 participantes da Missão Galápagos 2019, equipe formada por funcionários da sede sul-americana da Igreja Adventista, da seguradora Adventist Risk Management (ARM), da sede equatoriana da Igreja e por outros voluntários. A jornada começou no sábado, 6 de julho, na ilha de Santa Cruz, no Equador.

Neste primeiro dia, todos eles estiverem presentes nos cultos de gratidão das três congregações adventistas da ilha: igreja central, igreja La Unión e igreja Miramar. Todos os missionários dividiram as responsabilidades e foram recebidos pelos membros locais. Como resultado do trabalho evangelístico que já era realizado na ilha, duas pessoas foram batizadas.

Leia também:

Primeira etapa

A equipe começou revitalizando alguns espaços da comunidade. Ruas foram pintadas, calçadas foram limpas e exemplares do livro Esperança para a Família foram entregues. A Escola Adventista Loma Linda também recebeu pintura e ajustes na construção. O prefeito da ilha de Santa Cruz se uniu e participou ativamente, agradecendo a iniciativa da Igreja Adventista do Sétimo Dia.

Veja como foi dos dias de trabalho dos voluntários (em espanhol):

Para a voluntária Carolina Oliveira, participar dessa experiência foi um sonho que se tornou realidade. Desde adolescente, ela queria ser missionária e, agora, com suas roupas cheias de tinta, suas mãos sujas e um sorriso no rosto, expressa sua gratidão por fazer parte da Missão Galápagos.

Segunda etapa

Na segunda etapa, os missionários dedicaram tempo aos membros da comunidade, onde a Escola Adventista Lima Linda abriu suas portas para atender a população gratuitamente em diferentes áreas: oftalmologia, saúde bucal, fisioterapia, oficina de pintura de tecidos, fotografia, salão de beleza, futebol, atividades recreativas para crianças, entre outras.

Conheça como foi o trabalho evangelístico dos voluntários (em espanhol):

Terceira etapa

Aproximadamente 400 pessoas estiveram presentes nas noites de evangelismo Esperança para a Família. Foi o caso de uma moradora da ilha chamada Linda, que, embora estivesse com muita dor por causa de uma queda, foi até o local, pois “queria muito receber uma mensagem de salvação”. O trabalho dos voluntários foi encerrado no dia 13 de julho.

Veja algumas imagens do projeto:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox