Notícias Adventistas

Marcha reúne mil pessoas para passeata contra abuso sexual

As ações realizadas no estado do Paraná são resultado do número crescente de vítimas de abuso sexual, especialmente as crianças.

Por Kívia Henning 26 de agosto de 2019

 

Quebrando o Silêncio em Piraquara.

Mais de mil pessoas se reuniram em Piraquara, interior do Paraná, no último sábado de agosto, em apoio às vítimas de abuso sexual. A marcha faz parte do projeto Quebrando o Silêncio. A iniciativa, desde 2002, orienta e previne a população contra a violência doméstica. O programa é realizado em oito países da América do Sul, (Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Equador, Paraguai, Peru e Uruguai).

Leia também:

Materiais didáticos

Em 2019, no sul do Paraná, a campanha terá entrega de materiais de orientação para todos os alunos da rede pública de ensino. Cidades como Curitiba, São José dos Pinhais, Piraquara, Mandirituba, Fazenda Rio Grande e União da Vitória implementaram na grade curricular das escolas municipais os materiais didáticos do projeto. Além disso, a rede conta com atendimentos psicológicos gratuitos para os alunos.

Os materiais já estão sendo trabalhados em sala de aula e, até o final do ano, mais de 70 mil estudantes serão beneficiados.

Carla Vilar, secretária educação de Piraquara. (Foto: Anderson Latenik)

A secretária de educação de Piraquara, Carla Vilar, explica porque o município incluiu o projeto na sala de aula. “Quando conhecemos o Quebrando o Silêncio notamos que ele atendia a necessidades em nossas escolas. Infelizmente, temos crianças que nos passam relatos de abuso e violência. Por isso, vimos nessa ação uma forma real de ajudá-las”.

As alegações motivaram um grupo de psicólogos voluntários para prestar acompanhamento gratuito às vítimas. “Realizamos palestras em todas as escolas que o projeto é trabalhado. Muitos alunos nos procuram em busca de ajuda, por isso montamos uma equipe para atender esses estudantes. O nosso propósito é além das palestras, ajudá-los a curar as feridas”, pontua Patrícia Peiter, psicóloga e coordenadora do Quebrando o Silêncio no sul do Paraná.

Patrícia Peiter, psicóloga do projeto Quebrando o Silêncio no sul do Paraná.

O projeto conta com o apoio do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher (CMDDM), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de São José dos Pinhais e Secretaria Municipal de Educação.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox