Notícias Adventistas

Jovens heróis alcançam a marca de 1.300 bolsas de sangue doadas através do Projeto Vida por Vidas

Por Luciana Santana Diniz 5 de agosto de 2019

Todos os sábados os jovens se descolam até o hemocentro de Manaus para a doação regular de sangue (foto: Fabrício Gomes)

Segundo o Ministério da Saúde apenas 1,6% da população no Brasil doa sangue. Em Manaus, os dados também são alarmantes diante da necessidade dos hospitais: somente 9 mil pessoas doam regularmente no Hemocentro do Amazonas (HEMOAM). Para ajudar a reverter este quadro, o projeto Vida por Vidas, neste ano, irá doar 2 mil bolsas de sangue nos estados do Amazonas e Roraima. Toda semana, jovens da Igreja Adventista doam sangue. Com o tema “Quem é o herói da história?” mais de 180 voluntários decidiram fazer a diferença neste sábado, dia 03 de agosto, no HEMOAM.

Com roupas de super-heróis, jovens uniram as forças para salvar vidas. A iniciativa era para chamar a atenção da sociedade sobre a importância da doação de sangue. Segundo Jeferson Leandro de Souza, o Capitão América, que doa sangue pela décima vez, a ideia é inspirar outras pessoas a serem heróis na vida de alguém. “Todos nós podemos ser heróis e fazer a diferença na vida de alguém. Estamos aqui para inspirar outros a doarem sangue também”, fala. 

De acordo com o líder de jovens para os estados do Amazonas e Roraima, pastor Ormeu Lima, a meta de doação no ano de 2019 é de 2.000 bolsas de sangue nos dois estados. “Já doamos no Amazonas e em Roraima 1.300 bolsas. Nossa meta é doar 2.000 bolsas e fazer com que estes jovens sejam heróis na vida dos que precisam”, coloca. 

Jovem vestido de superman participando ativamente do projeto Vida por Vidas (foto: Fabrício Gomes)

Lucas dos Santos chegou ao HEMOAM vestido de superman, e segundo ele, herói de verdade não tem medo de doar sangue. “Não dói doar sangue! Herói de verdade não tem medo de agulha. Tudo vale a pena para salvar vidas”, conta. 

Para o coordenador do Projeto Vida por Vidas em Manaus, Abel Antares, os jovens adventistas já entenderam a importância da doação de sangue para quem precisa. Por isso, uma escala semanal é feita.  “Temos um rodízio constante de doação de sangue aqui no HEMOAM. Todos os sábados têm jovens adventistas doando sangue e sendo o herói na história de vida de alguém”, ressalta. 

A enfermeira do HEMOAM, Abigail Picanço, fala sobre a importância da constante doação do projeto Vida por Vidas para o banco de sangue do Hemocentro. “Manter o nosso estoque abastecido para atender a necessidade de quem precisa é o nosso maior desafio. Quando temos um grupo fidelizado conseguimos manter uma constante de estoque. Os jovens adventistas são nossos parceiros e têm um grande aproveitamento do sangue por conta da qualidade de vida que eles têm.  O projeto Vida por Vidas com certeza já salvou muitas pessoas no Amazonas. Todos são heróis”, finaliza feliz.

A doação regular, proporcionada pelo projeto Vida Por Vidas, faz com que o estoque do banco de sangue do hemocentro de Manaus esteja em constante abastecimento (foto: Fabrício Gomes)

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox