Notícias Adventistas

Igreja atende moradores de Joinville em campanha contra a violência

Voluntários da IASD orientam a população em estandes montados no local mais movimentado da cidade

27 de agosto de 2014
Fiéis da IASD do Atiradores se envolveram na ação organizada pelo Ministério da Mulher.

Fiéis da IASD do Atiradores se envolveram na ação organizada pelo Ministério da Mulher.

A campanha Quebrando o Silêncio, organizada pela Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD) contra a violência, atendeu e conscientizou as pessoas que passaram pelo Centro de Joinville, Norte de Santa Catarina, no último sábado, dia 23. A IASD do bairro Atiradores mobilizou uma ação na Praça Nereu Ramos entre 11 e 14h, local e horário de maior fluxo da população na cidade. Cinco estandes foram montados na praça: atendimento jurídico (com dois advogados e uma promotora), atendimento psicológico (duas psicólogas), enfermagem (uma enfermeira), oração e um para crianças. Os pedestres eram abordados e encaminhados para as áreas mais adequadas a fim de tirarem dúvidas e receberem ajuda para seus problemas.

As pessoas eram cadastradas, pegavam o contato dos voluntários e um material impresso da campanha. A maioria delas era encaminhada para a tenda em que podiam pedir oração. “Algumas pessoas elogiaram o projeto Quebrando o Silêncio e a IASD. Muitas partilharam as dificuldades que encontram no dia a dia em suas vidas. Alguns choraram ao ‘se abrir’”, conta a psicóloga Karyne Correia, umas das voluntárias.

Segundo Karyne, as crianças foram o destaque do programa. As pequenas distribuíram os materiais da campanha. “Como era dia em que os candidatos políticos também estavam pelo Centro da cidade, muita gente nem queria pegar os folhetos, pois achava que era de algum político. Mas das crianças ninguém negava receber”, relata.

O palco localizado na praça foi usado para representantes da campanha apresentarem estatísticas e conversarem com a população como as famílias podem agir em determinados casos de violência. No espaço houve também apresentações musicais do Coral Allegro e da orquestra da IASD Central de Joinville, e de um trio feminino.

“Ao meu ver, a população foi bem servida de informação, boa música, e puderam ter uma impressão melhor do que é ser um cristão, que é amar a Deus e ao próximo”, avalia Karyne.

Igreja toda envolvida

A ação da IASD do Atiradores promovendo o Quebrando o Silêncio teve a participação de bom número dos fiéis. Os voluntários dos estandes são membros da congregação e o projeto foi realizado pelo Ministério da Mulher, Clube de Aventureiros, Ministério da Criança e ancionato. Os demais, que não fazem parte desses departamentos, participaram na entrega de panfletos e revistas do Quebrando o Silêncio, do livro “A Única Esperança” e do DVD com a série de estudos bíblicos “A Última Esperança”. Uma das participantes sugeriu que as experiências que eles tiveram no contato com as pessoas e as histórias, algumas emocionantes, sejam contadas em um Culto Jovem na igreja local.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Com informações de Karyne Correia e fotos de Cristina Flores

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox