Notícias Adventistas

Gincana solidária do Mutirão de Natal arrecada meia tonelada de alimentos

Atividade aconteceu no escritório administrativo da União Leste Brasileira e teve o propósito de mobilizar os colaboradores na arrecadação de alimentos, roupas e brinquedos.

Por Pollyana Trindade 10 de dezembro de 2020

Colaboradores foram mobilizados durante três meses a arrecadar donativos (Foto: Thiago Fernandes)

Uma gincana mobilizou colaboradores, líderes e obreiros da União Leste Brasileira, sede administrativa da Igreja Adventista do Sétimo Dia para Bahia e Sergipe, e conseguiu arrecadar cerca de meia tonelada de alimentos para o projeto Mutirão de Natal. A ação aconteceu na terça, 8 de dezembro, no auditório da sede, em Lauro de Freitas.

O Mutirão de Natal é um projeto social da Igreja Adventista do Sétimo Dia realizado em toda América do Sul e já acontece há 26 anos. O objetivo é reunir donativos para beneficiar famílias carentes das comunidades onde as congregações estão inseridas e também entidades assistenciais como asilos, abrigos, orfanatos e creches. No Estado da Bahia, a ação voluntária foi reconhecida pelo governo do Estado, que sancionou a Lei n.º 13.740, em 2017, instituindo a Semana Estadual do Mutirão de Natal. O ato foi um reconhecimento público ao projeto de segurança alimentar da Igreja Adventista.

Leia também:

No mês de setembro, o diretor da Ação Solidária Adventista (ASA) para toda Bahia e Sergipe, pastor Manoel Chaves, lançou o desafio em forma de gincana para os colaboradores da União Leste Brasileira. A atividade envolveu cerca de mais de 60 pessoas divididas em 10 equipes, que tiveram como propósito arrecadar alimentos, roupas e brinquedos. Elas também tiveram que desenvolver tarefas como: preparar e etiquetar livros que foram entregues no Impacto Esperança; fazer uma paródia com música relacionada ao Mutirão de Natal; ornamentar caixas de presente com alimentos; pontualidade e presença nos cultos. As arrecadações beneficiarão comunidades Quilombolas na região do bairro Quingoma, em Lauro de Freitas, e mais duas recicladoras que trabalham com coleta de lixo dentro do condomínio onde fica situado o escritório.

Pastor Manoel Chaves organizou a gincana que mobilizou todo o escritório (Foto: Thiago Fernandes)

Mobilização

Para o pastor Chaves, a experiência de envolver os colaboradores no Mutirão de Natal foi gratificante. “Esse envolvimento só evidencia cada vez mais o comprometimento de cada servidor com a missão da Igreja. Além de participarem ativamente na igreja local, não se eximem de participar aqui como escritório, estimulando assim as outras sedes regionais a também fazerem o mesmo. Isso nos dá satisfação de ver o nível de comprometimento de cada colaborador”, disse.

Chaves mencionou ainda um texto da escritora norte-americana Ellen G. White, que diz: “A abnegação deve caracterizar os empregados em posições de responsabilidade no escritório, e devem ser um exemplo a todos […]” (Mensagens Escolhidas II, p.196).

O resultado, segundo afirma ele, foi tão bom que a administração decidiu colocar no calendário eclesiástico da Igreja essa gincana tanto para o escritório geral como para os escritórios regionais.

Cerca de meia tonelada de alimentos foi arrecadado pelos colaboradores, além de brinquedos e roupas (Foto: Thiago Fernandes).

Durante a atividade, além de alimentos também foram arrecadadas roupas e brinquedos. Na oportunidade, as equipes que mais arrecadaram receberam um brinde simbólico como forma de reconhecimento pelas atividades desenvolvidas.

“Em um ano atípico conforme foi noticiado o tempo todo pela mídia, as crises vão e vem para mostrar de fato quem é quem. E nós queremos agradecer a Igreja na Bahia e em Sergipe porque tivemos recordes de arrecadação de roupas, alimentos e também de atendimentos não só como Igreja institucionalmente, mas cada pessoa. Que esse seja ainda mais um natal solidário para todos nós, como o lema diz: Podemos fazer mais!”, completou Chaves.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox