Notícias Adventistas

Feira de Saúde e Ação Social impactam cariocas

Mais de 250 pessoas foram atendidas na Feira de Saúde.

7 de abril de 2015
250 pessoas tiveram acesso à Feira de Saúde. (Fotos: Fabiana Lopes)

250 pessoas tiveram acesso à Feira de Saúde. (Fotos: Fabiana Lopes)

Rio de Janeiro, RJ … [ASN] Moradores do bairro de Madureira, localizado na zona oeste do Rio de Janeiro foram impactados na véspera da Semana Santa com a realização da Ação Social e Feira de Saúde, além de outros projetos como o Quebrando o Silêncio.

A saúde é um tema muito atualizado e hoje, 7 de abril, comemora-se o Dia Mundial da Saúde. Segundo o instituto de pesquisa DataFolha, 45% da população identifica a saúde como o principal problema do país.

Muitas pessoas consideram-se saudáveis quando estão sem nenhuma doença, porém, a falta de enfermidades não significa saúde. Dizer que uma pessoa está saudável requer a análise de um conjunto de fatores, tais como a qualidade de vida e aspectos mentais e físicos.

Em 1946, a Organização Mundial de Saúde aprovou um conceito que visava ampliar a visão do mundo a respeito do que seria estar saudável. Ficou definido então que “a saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença ou enfermidade”.

A Igreja Adventista do Sétimo Dia tem uma preocupação especial com a saúde, principalmente no que se refere à prevenção de doenças através de alimentação saudável, exercícios físicos, repouso e confiança em Deus. E foi exatamente isso que aconteceu no dia 28 de março na Praça do Patriarca, em Madureira. A Feira de Saúde atendeu mais de 250 pessoas. Na Feira cada pessoa ganha uma ficha que é preenchida durante todo o percurso, que inclui verificação de pressão arterial e teste de glicose. Ao final ela recebe seu check-up com o resultado de cada exame e sua idade biológica. Na última etapa da Feira, com o resultado em mãos, são passadas orientações e aconselhamentos baseados no check-up.

Além da Feira, aconteceu a Ação Social ofereceu diversos serviços, entre eles: balcão de emprego, encaminhamento ao menor aprendiz, encaminhamento médico, isenção de certidão de casamento, orientação para INSS, fisioterapia da dor, além de stands de projetos como Quebrando o Silêncio, Educação Adventista, Clubes de Desbravadores e Aventureiros e a Feira de Saúde.

O casal Maria da Penha Bernardo de Almeida e Raimundo Rodrigues de Almeida estavam passando pela Praça. Ele realizava exercícios físicos e ela fazendo compras. Ambos fizeram o circuito da Feira e elogiaram a iniciativa da Igreja Adventista. “Seria excelente que este trabalho acontecesse em todos os bairros da cidade do Rio. É uma iniciativa louvável e o fato de ser gratuita mostra que vocês se preocupam de verdade com o próximo. Estão de parabéns e torcemos que façam outras como esta mais vezes”, comentou o casal.

Os juvenis José Augusto e

Os juvenis José Augusto e Rodrigo se interessaram pelo Clube de Desbravadores.

José Augusto de Freitas Rodrigues (12) e Rodrigo Mota da Silva de Figueiredo (11) jogam bola todos os sábados na Praça e enquanto esperavam os amigos de bola, conheceram como funciona o Clube de Desbravadores. Bruna Maria dos Santos Gromik Faria é desbravadora há 4 anos e capitã no clube Astros Celestes, da IASD de Madureira, e convidou os meninos a participar do clube. As Doutoras da Esperança fizeram o primeiro contato com os juvenis.

Para o organizador do evento, pastor Júlio Alencar, a Igreja Adventista enfatiza a saúde física, mental e espiritual com suma importância para o bem estar de todas as pessoas. “É muito melhor previnir do que tratar doenças e a Feira de Saúde leva esta mensagem às pessoas, mostrando que é possível ter saúde e cuidar bem do corpo com simples hábitos, como beber água, dormir pelo menos 8 horas por dia e ter uma alimentação mais natural e menos industrializada”, finaliza Alencar.
[Equipe ASN, Fabiana Lopes]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox