Notícias Adventistas

Escola Adventista promove projeto social e distribui mais de 600 quilos de alimentos

O projeto Tenho um Coração Solidário mobilizou a comunidade escolar e reforçou a importância de olhar para a necessidade das pessoas.

Por Érica Tavares 5 de junho de 2020

 

O projeto Tenho um Coração Solidário buscar incentivar iniciativas solidárias dentro do contexto escolar. Este ano, o objetivo foi a doação de alimentos. (Foto: Divulgação).

O projeto “Tenho um Coração Solidário” é uma inciativa da rede de Educação Adventista, cuja proposta é, acima de tudo, desenvolver nos alunos um olhar mais sensível às necessidades do outro. Engajada no projeto, a Escola Adventista de Porto Franco, na região sul do Maranhão, promoveu a participação de todos os grupos relacionados à escola.

Ainda no período em que as aulas estavam sendo ministradas de forma presencial, estudantes, pais, professores e funcionários se envolveram na campanha. Como resultado, conseguiram adquirir aproximadamente 630 kg de alimentos, divididos em cestas básicas. Além dos recursos obtidos com a doação individual, o projeto teve ainda o apoio da Ação Solidária Adventista (ASA) local e da prefeitura do município.

Margareth Amaral, mãe de um aluno do 6º ano, participou da campanha e, embora tenha sido doadora e não beneficiada pela iniciativa, manifestou o sentimento de gratidão: “Nós agradecemos a oportunidade de ofertar o amor de Deus ao próximo através desse projeto.”

Dar atenção, ouvir e orar juntos; esse detalhe também fez parte da iniciativa da escola. (Foto: Divulgação)

Ajuda bem-vinda

Durante o mês de maio, as cestas foram distribuídas entre famílias da cidade, cadastradas pela ASA, que estavam precisando de auxílio. Para algumas delas, a ajuda chegou no momento certo, conforme conta Wanda Ferreira. “Foi uma maravilha, nesse momento de crise, receber essa ajuda; veio em boa hora. Agradeço à Escola por me incluir nessa benção”, completa Wanda. No grupo beneficiado, havia inclusive famílias com membros que testaram positivo para a Covid-19 e precisavam estar em isolamento. Portanto, numa situação mais difícil.

Leia também:

Para os que puderam ir buscar, o ponto de entrega dos alimentos foi a própria escola. Assim, os funcionários tiveram a oportunidade de ter um  momento de proximidade com as pessoas beneficiadas. “No momento da entrega nós pudemos conversar e ouvir pedidos de oração. E mais importante, orar com cada pessoa que foi até à escola”, relata a prof.ª Sônia Aguiar, diretora da unidade.

O projeto Tenho um Coração Solidário acontece anualmente em todas as unidades da rede Adventista e ajuda diversos grupos de pessoas. Para saber mais sobre essa iniciativa, procure um Escola Adventista perto de você.

 

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox