Notícias Adventistas

Desbravadores poderão ter Dia Nacional

Proposta de Projeto de Lei foi apresentada na Comissão de Cultura da Câmara dos Deputados, em Brasília

Da redação

Deputado Tadeu Alencar (centro) apresenta a proposta durante a reunião (Foto: Divulgação)

A Comissão de Cultura da Câmara dos Deputados deu início na tarde da quarta-feira, 20 de junho, à criação do Projeto de Lei que institui o Dia Nacional do Desbravador. A sessão foi conduzida pelo deputado Tadeu Alencar, autor do requerimento, ao lado do deputado Paulo Folleto, que propôs o estabelecimento da data.

Presente em todo o Brasil, o Clube de Desbravadores atende crianças com idades entre 10 e 15 anos, e presta serviços à comunidade, principalmente nas áreas de educação e cultura. “Por ser uma instituição que está espalhada por quase metade dos municípios brasileiros – 2.210 cidades -, tem uma abrangência muito grande e faz um trabalho cultural, de preservação, de ensino, de preparo para que eles sirvam a sociedade”, explica o pastor Udolcy Zukowski, diretor dos desbravadores em oito países da América do Sul. “Tem tantas coisas que o Clube faz que merecem ser valorizadas com um Dia Nacional.”

Leia também:

A proposta é que a data seja comemorada em 20 de setembro, quando é celebrado o Dia Mundial do Desbravador e são realizados programas especiais nos templos adventistas locais, que mantém os clubes. Na ocasião, os meninos e meninas também participam de atividades e projetos comunitários.

De acordo com Zukowski, a lei abrirá portas para que o Clube seja implantado em outros municípios que ainda não tem um em funcionamento. “Tendo um dia votado no Congresso Nacional, isso vai mostrar para quem não o conhece ainda a sua potencialidade, a sua seriedade, o reconhecimento do governo brasileiro para com esta instituição. Se precisarmos de apoio das autoridades, isso ajudará muito, e mesmo para a própria apresentação para a comunidade”, ressalta.

Relevância

O deputado Paulo Foletto conhece de perto o trabalho dos desbravadores, sobretudo no Espírito Santo, Estado que representa. Para ele, em um ambiente individualista, em que as pessoas estão imersas nas conexões virtuais, os desbravadores ilustram a necessidade do ser humano de ter uma relação consigo, com os semelhantes, com a natureza, e espiritualidade para que o estresse seja diminuído.

“Meu Projeto de Lei de criação do Dia Nacional do Desbravador tem justamente o objetivo de reconhecer os esforços da Igreja Adventista em manter essa missão de amor aos nossos jovens”, justifica ele ao destacar em seu discurso a estrutura filosófica do Clube e sua intrínseca conexão com os ensinamentos da Bíblia.

Já Alencar se mostrou impressionado com os números referentes aos desbravadores, que estão presentes em mais de 160 países. Ele elogiou o trabalho desenvolvido pela liderança junto às crianças e adolescentes e ressaltou o papel da agremiação para formar cidadãos responsáveis e na construção da personalidade, voltada a desenvolver as pessoas nas esferas física, mental e espiritual.

Zukowski espera que o Dia Nacional do Desbravador seja aprovado em quatro meses, após passar por comissões técnicas e votação em plenário.

Para assistir à sessão e conhecer mais sobre o Clube de Desbravadores e a importância da criação da data, clique aqui.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox