Notícias Adventistas

Campanha Quebrando o Silêncio ganha espaço em praças, escolas e shoppings do estado do Rio

Atividades ocorreram de forma mais intensa no último final de semana, porém, em alguns lugares, iniciativas terão continuidade até o fim do ano.

Por Andréia Kals da Silva 27 de agosto de 2019

Crianças receberam materiais instrutivos sobre prevenção de abuso.

Segundo pesquisas do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), cerca de 300 milhões de crianças em todo o mundo vivem em constante situação de violência, seja física, sexual ou moral. As estatísticas especificamente de abuso sexual variam entre países e relatórios, mas também são consistentes e alarmantes. E é com o objetivo de levantar debates e propor métodos para evitar o crescimento deste tipo de violência, que, neste ano a campanha Quebrando o Silêncio direciona sua atenção para o tema.

Nas regiões centro, serra e norte do Rio de Janeiro, diversas ações ocorrem a fim de evitar que mais crianças e adolescentes integrem estatísticas mundiais. Iniciativas também buscam apresentar caminhos para a recuperação de quem, infelizmente, carrega as marcas e dores que resultam do abuso.

Giro pelo campo:

Norte

Das 14h às 22h deste domingo (25), a praça central de eventos do Boulevard Shopping Campos, foi palco de uma grande ação direcionada a crianças e adultos. No local havia brincadeiras, pinturas faciais, materiais para leitura, e desenhos para colorir. Iniciativas de forma lúdica e em linguagem apropriada, ensinar as crianças a identificar riscos, proteger-se e denunciar.

Para os pais, foram promovidos palestras e bate-papos com a delegada da cidade e uma advogada especialista na área da Vara da Infância e Juventude. Palestras foram seguidas por uma mesa redonda, onde o público poderá fazer perguntas e tirar dúvidas.

Serra

Em Nova Friburgo, uma mobilização em torno do “Agosto Lilás” (Campanha de Combate à Violência Doméstica) ocorreu na praça Getúlio Vargas, no domingo (25) das 9h às 12h. No local estavam disponíveis estandes que ofereciam serviços gratuitos, como atendimento psicológico, orientações jurídicas promovidas pela AOB de Nova Friburgo, distribuição de material informativo com linguagem para público adulto, adolescente e infantil, tenda com vídeos instrutivos de proteção e denúncia, e manequim educativo, direcionado ao público infantil, que dentro de uma linguagem apropriada, ensina as crianças sobre quais  as partes do corpo em que não devem permitir o toque. Além destas atividades, também foram disponibilizados serviços estéticos, como maquiagem, manicure, corte de cabelo e massagem.

Centro

Passeatas também chamaram a atenção da comunidade em diversos lugares.

Em Rio das Ostras, RJ, a Praça do Conjunto Habitacional de Cidade Praiana, foi sede de um movimento social na tarde do sábado (24). Ação aconteceu das 15 às 17 horas e contou com programação ao vivo que incluiu músicas, brindes e palestras com profissionais. O ambiente buscou auxiliar os menores a detectar situações de risco e ensiná-los a como buscar ajuda. O programa contou com apoio da Guarda Municipal e Patrulha Maria da Penha. Atendimentos psicológicos e orientações jurídicas também estavam disponíveis.

Já em Cabo Frio, uma passeata foi o ponto alto das ações. Voluntários estavam com carros de som e faixas alusivas à campanha. Um trabalho paralelo também foi feito nas escolas públicas do município, onde pais e alunos puderam ouvir orientações e receber materiais instrutivos.

Em São Gonçalo, também ocorreu uma passeata do Quebrando o Silêncio na manhã de sábado (24). O Prefeito e outras autoridades do município participaram desta ação que mobilizou cerca de mil pessoas. A passeata contou com carro de som, banda, faixas e balões alusivos à campanha. A “Turma do Nosso Amiguinho”, de desenho animado infantil, também esteve presente para instruir as crianças de forma mais lúdica.

Atividades chamaram a atenção da mídia, gerando a repercussão do projeto em veículos como o G1 da região serra-mar, TV Record e entre outros.

Veja a galeria de imagens:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox