Notícias Adventistas

Calebes fabricam grampos para ajudar família carente

Jovens missionários de Lages arrecadaram esses recursos para comprar um medicamento de alto custo

Por Daniel Gonçalves 5 de fevereiro de 2020

Jovens voluntários e seus grampos missionários

O que acontece quando jovens dedicam suas férias em prol de um mundo melhor? É difícil mensurar com números ou relatar com palavras. O que ficou bem visível foi a influência que os mais de 100 participantes da Missão Calebe deixaram na região, entre os dias 18 a 31 de janeiro.

Em Lages foram realizadas Escolas Cristãs de Férias – atividades espirituais e recreativas para crianças de 06 a 12 anos de idade – além da arrecadação e distribuição de roupas e alimentos para famílias de baixa renda. Um dos alvos das atividades foi a região da Cidade Alta (que abrange cinco bairros), em uma parceria com a associação de moradores. No local, foram realizadas visitas a membros afastados da igreja e a reforma de uma casa.

Já no município de Correia Pinto, a Missão Calebe realizou a limpeza de praças e parques, distribuiu abraços e cestas básicas entre a população. A mobilização na cidade contou com a parceria de um grupo de voluntários que se mostrou interessado em conhecer as atividades desenvolvidas pela Igreja Adventista. O fato rendeu destaque na mídia local. Mas o diferencial da Missão Calebe em Correia Pinto foi a fabricação de grampos de roupas. Os jovens desenvolveram essa atividade para arrecadar recursos para uma família que necessitava de medicamentos de alto custo. O que os Calebes não imaginavam era o envolvimento que a atividade proporcionaria. “Foi a melhor parte da missão. Todos se envolveram. Incluindo pessoas que estavam ausentes da igreja e não adventistas. Foi maravilhoso!”, exclama Grasielle Oliveira, líder dos jovens adventistas do bairro Guarujá, em Lages.

“Há um sentimento de realização pessoal ao ver a alegria no rosto das pessoas atendidas”, observa o Pastor Filipe Canarin, do distrito de Lages. Na opinião dele, a Missão Calebe deste ano beneficia a igreja também internamente quando promove assistência a algumas pessoas afastadas. “Levamos a experiência dos Calebes de Lages para a cidade de Campos Novos, onde os resultados também foram animadores”, destaca o pastor.

Ecoando essa opinião, o Pastor Diego Schroeder, do distrito da Várzea, avalia que a Missão Calebe promove o crescimento espiritual dos jovens. “Exercendo o amor altruísta, eles se doam ao serviço, sendo instrumentos de Deus neste mundo”, pondera.

Com a colaboração de Jônatas de Souza Goulart

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox