Notícias Adventistas

Adventistas em SC arrecadam 380 cestas básicas

Projeto em bairro da cidade de São José teve início por meio de um adventista, e em pouco tempo outros 50 fiéis se envolveram

Por Daniel Gonçalves 6 de abril de 2020

Arrecadação começou na semana passada

José Ricardo de Abreu é membro da igreja adventista de Forquilhinhas, em São José. Professor por profissão, no ano passado esteve lecionando no Colégio municipal Antônio Francisco Machado (Forquilhão), na mesma cidade. Conhecido por sua prestatividade em ajudar o próximo, ele foi lembrado nas últimas semanas devido à crise provocada pelo Covid-19 (Coronavírus). A diretora da unidade escolar entrou em contato com ele para ajudar as famílias dos estudantes.

“Além da crise de saúde, a parte financeira está preocupando muito as famílias do bairro. Boa parte dos estudantes tem somente uma refeição no dia, que é no colégio. Ao interromper as aulas, essas mesmas crianças ficaram sem comida, e os pais sem recursos para comprar mantimentos para casa”, explica o professor, que diante desta realidade, atendeu ao pedido de socorro.

Ricardo iniciou uma arrecadação junto aos moradores da cidade e entre os adventistas da região, do distrito do Parque Lisboa. Após alguns dias, o resultado foi aparecendo. “No início, conseguimos junto à Prefeitura 20 cestas básicas, mas já no primeiro dia de entrega no colégio tínhamos mais famílias necessitadas do que cestas disponíveis. Assim, começamos a trabalhar junto à comunidade e entre os nossos irmãos da igreja. Para a glória de Deus, conseguimos até o momento 380 cestas básicas”, comemora.

Além do professor, 50 adventistas da região foram envolvidos, outras 25 pessoas da comunidade e alguns outros que estão estudando a Bíblia na igreja. “Esse trabalho foi muito bem organizado pelo José e os outros envolvidos. Tem até pessoas que ainda estão estudando a Bíblia conosco e já se prontificaram em ajudar na coleta, na separação e na entrega das cestas”, explica o líder espiritual da região, pastor Dyotagnan Maia.

O trabalho de doação é feita de maneira organizada, com as famílias sendo previamente cadastradas. Depois, elas são informadas do horário que deverão ir ao colégio receber a cesta básica. “Todas as pessoas recebem ainda um livro missionário e são ‘obrigadas’ a orarem conosco. As pessoas ficam muito agradecidas”, complementa o pastor. Através desse contato missionário 20 pessoas já pediram para estudar a Bíblia com os adventistas.

E quem um dia já foi ajudado, nunca se esquece. “A gente já foi muito ajudado pela Ação Solidária Adventista (ASA) no passado, e hoje o que a gente puder ajudar, a gente vai fazer”, comenta o casal Ana e Elton.

Até o momento, 280 cestas já foram entregues e a expectativa é de novas doações nos próximos dias.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox