Notícias Adventistas

ADRA mobiliza apoio para socorrer vítimas de terremoto no Haiti

O número de mortos, ocorrido no final de semana no Haiti, sobe para mais de 300, e há 1.800 feridos, conforme informaram autoridades.

Por Kimi-Roux James 15 de agosto de 2021

A ADRA chega para avaliar os danos em Saint Louis de Sud, uma área fortemente afetada por um recente terremoto que afetou o Haiti em 14 de agosto de 2021. (Foto: Evan Bernardini / ADRA no Haiti)

No sábado, 14 de agosto, por volta das 8h30, um terremoto de 7,2 graus de intensidade atingiu no Haiti as regiões ao sul de Les Cayes, Jeremie, Saint Louis de Sud, Aquin, Petit Trou de Nippes, Anse-a-Veau e Cavaillon, sendo seguido por várias réplicas. As vibrações puderam ser sentidas até na Jamaica, a mais de trezentos quilômetros de distância.

Os meios de comunicação locais informaram anteriormente que o mar em Jeremie recuou, o que poderia ser um sinal de tsunami, mas os avisos de alerta foram cancelados posteriormente.

As autoridades locais declararam estado de emergência por um mês, buscando ajuda humanitária. Os hospitais do Haiti mais próximos das regiões afetadas estão lotados. O número de mortos aumentou para mais de 300* e há mais de 1.800* feridos (*esses números podem mudar), de acordo com relatórios locais.

Ação na ADRA

Moradores das aldeias afetadas têm tentado localizar parentes e amigos desaparecidos, e que temem estarem mortos. Equipes de busca foram formadas para tentar encontrar as pessoas presas sob os escombros.

“A Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (ADRA) foi uma das primeiras organizações de primeiros socorros a chegar à área afetada de Saint-Louis de Sud, no Haiti. Com base em nossas avaliações, a principal preocupação é cuidar dos acidentados. Neste momento, as avaliações de danos estão em andamento. Um dos principais desafios é a extrema complexidade dos bloqueios de gangues que não permitem fácil acesso às áreas afetadas. Também estamos preocupados com a tempestade Grace que está se aproximando da região e a já delicada situação no Haiti devido à violência e ao deslocamento massivo da população. A situação é extremamente complexa”, disse Elian Giaccarini, coordenador de gerenciamento de emergência da ADRA para o Caribe.

A ADRA opera no Haiti há mais de trinta anos, fornecendo apoio nas áreas de nutrição, agricultura, água e programas de educação primária nas regiões norte e centro-nordeste do país, visando uma população de um milhão de pessoas.

Esta é a segunda vez que um grande terremoto atinge o Haiti em uma década. Em 2010, um terremoto de magnitude 7,0 matou quase 250.000 pessoas. Para mostrar seu apoio, visite ADRA.org.   Mais informações serão fornecidas à medida que os eventos forem se desdobrando.

Sobre a ADRA  

A Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais é o braço humanitário internacional da Igreja Adventista do Sétimo Dia, com presença em 118 países. Seu trabalho empodera comunidades e transforma vidas em várias partes do mundo, proporcionando desenvolvimento comunitário sustentável e socorro em desastres. O propósito da ADRA é servir a humanidade para que todos vivam de acordo com o propósito divino. Você pode conhecer mais sobre a ADRA acessando ADRA.org.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox