Notícias Adventistas

Campanha “Quebrando o Silêncio” é incluída no calendário oficial de Morrinhos (GO)

A Semana “Quebrando o Silêncio” terá por finalidade esclarecer a população sobre a importância de dar apoio e ênfase contra a violência praticada contra as mulheres, crianças e idosos

Por Maycon Santos 1 de junho de 2021

Participaram da reunião no gabinete do prefeito Joaquim Guilherme: o vereador Ronaldo Romero; o pastor Marcos Paulo; a coordenadora estadual do projeto Gilma Moraes Moreira; o secretário executivo da ABC, Pr. Giulian Lopes Vasques e representantes dos departamentos de Jovens e Desbravadores (Foto: Paulo Victor Morais)

A campanha “Quebrando o Silêncio” promovida anualmente pela Igreja Adventista do Sétimo Dia na América do Sul, desde o ano de 2002, agora faz parte do calendário oficial de atividades do município de Morrinhos, na região sul de Goiás.

O projeto de lei de número 822, de 11 de maio de 2021 foi apresentado na Câmara Municipal da cidade pelo vereador Ronaldo Romero. O parlamentar explica que a lei foi proposta devido o aumento da violência praticada nos últimos anos no país.

“Conheço o trabalho da Igreja Adventista e diante dos fatos que tem acontecido nos últimos dias, Deus tocou no meu coração. Vamos nos empenhar para que esse projeto seja executado e mais pessoas e famílias sejam conscientizadas”, afirma.

Leia também:

A campanha se desenvolve durante todo o ano, mas uma das suas principais ações ocorre sempre no quarto sábado do mês de agosto. Este é o “Dia de ênfase contra o abuso e a violência”, quando ocorrem passeatas, fóruns, escola de pais, eventos de educação contra a violência e manifestações na América do Sul.

Para a diretora do Ministério da Mulher em Goiás, professora Gilma Moreira, com a lei promulgada o projeto ganha mais força.

“Quando a campanha se torna um projeto de lei e entra no calendário do município, todos ficam cientes das ações e isso deixa o projeto com mais força e autoridade para a população, podendo ser trabalhado nas escolas e instituições”, comenta.

A cada ano um tema é escolhido para ser discutido e abordado com propósito de conscientizar a comunidade, denunciar abusadores e ajudar as vítimas. O tema de 2021 é proteção da família.

A lei Nº 3.620, de 21 de maio foi assinada pelo prefeito da cidade, Joaquim Guilherme, que parabenizou a iniciativa da Igreja.

“É muito importante quando a prefeitura tem parceiros, companheiros e amigos para ajudar na tarefa de dirigir a cidade. A cidade agora terá no seu calendário de atividades um dia oficial para lembrar que temos um trabalho organizado e planejado para que todas as entidades executem ações que sejam feitas no sentido de diminuir toda a violência no município”, enfatizou.

A lei foi publicada no site da prefeitura e afixada no placard do Município, no dia 25 de maio de 2021.

Fotos:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox