Notícias Adventistas

Mordomia Cristã

Programa “ADORE” é realizado em 82 igrejas da capital e cidades em torno

Evento teve como foco central, o desenvolvimento de cinco áreas da Mordomia Cristã


  • Compartilhar:
Presindete da ASM, Pr. Evaldo Oliveira pregando na IASD do Tiradentes em Campo Grande.

No último fim de semana (20 a 22), o programa “ADORE – Adoração e Reavivamento” reuniu administradores, colaboradores e todos os pastores da Associação Sul-Mato-Grossense (ASM), na capital Campo Grande para realização de um verdadeiro mutirão espiritual.

Pr. Evaldo Oliveira.

Durante três dias, 82 igrejas da capital pantaneira e cidades em torno, receberam uma mensagem poderosa sobre Mordomia Cristã. Foram testemunhos de fidelidade, palestras sobre oferta e pacto missionário.

Leia também:

Três gerações participam da Missão Calebe no Rio de Janeiro

Batismos na Ucrânia, apesar dos desafios atuais

Secretário Executivo da ASM, Pr. Gessé Vieira pregando na IASD do Viva Vida em Campo Grande.

Todo o programa teve o objetivo de levar não apenas os pastores, mas também a igreja a adorar melhor a Deus, através de uma igreja reavivada, segundo o Presidente da ASM, Pr. Evaldo Oliveiras. “Durantes estes três dias de “ADORE”, tivemos a oportunidade de trabalhar os fundamentos de cinco áreas da Mordomia Cristã, que são elas: templo de Cristo (Corpo), tempo (sábado), talentos (dons), tesouros (dízimos e ofertas) e o testemunho (experiências)”, explica.

Membros da IASD do Alvorada em Campo Grande.

Um conceito amplamente divulgado na Igreja Adventista, as palavras, Mordomia Cristã, significam muito mais para a vida espiritual do que podem aparentar. Segundo o Secretário Executivo da ASM, Pr. Gessé Vieira, o programa ADORE chegou para resgatar este significado da igreja em MS. “Quando percebemos a real situação que o mundo vive, onde as pessoas estão voltadas para o próprio eu, correndo em busca de uma satisfação própria e se esquecem de que as criou, precisamos parar e refletir. O grande objetivo do ADORE, é resgatar a essência da adoração, levando a igreja a refletir que e existe um Deus que cuida de tudo e de todos”, afirma.

“Como foi bom estes dias! Ao longo das pregações, tivemos a oportunidade de refletir e entender o que estávamos fazendo com os recursos, dons e tantas outras bençãos de Deus sobre nossas vidas, além do que estávamos fazendo de proveitoso com elas. Com certeza o ADORE chegou para resgatar em nós, o real sentido do que é ser um cristão que se prepara, prega e aguarda a volta de Cristo”, relata José Almeida, ancião da IASD Central de Campo Grande.

Conceito

Uma igreja que cresce e se desenvolve de maneira adequada é formada por membros que entenderam a importância da fidelidade na devolução dos dízimos e, também, nas ofertas.