Notícias Adventistas

Produtor rural é batizado em mina d’água após mudança de vida

Paulo deixou um emprego de 23 anos em São Paulo para morar em um sítio no sul de Minas Gerais, onde foi batizado numa mina d'água, devido ao fechamento das igrejas pela pandemia

Por Ayanne Karoline 10 de agosto de 2020

Paulo foi batizado em abril deste ano. (Foto: Vitor Mello)

A vida do produtor rural Paulo Amaral mudou completamente em 2020. De uma cidade movimentada em São Paulo, trabalhando em um emprego fixo há 23 anos, ele se mudou para um sítio no sul de Minas Gerais. Ipuiúna, cidade mineira com pouco mais de 9 mil habitantes, foi a região escolhida para a nova história da família.

Paulo já conhecia e até frequentava, ocasionalmente, a igreja adventista. Sua esposa e filha já eram batizadas, mas ele ainda não havia tomado a decisão por precisar trabalhar no sábado. Com a mudança para o interior e fazendo sua própria rotina, o batismo foi questão de tempo. “Como as igrejas da região estavam fechadas, optamos pelo batismo aqui mesmo em nossa propriedade, na mina d’água”, conta Paulo.

O pastor local, Alexandre Espíndola, conta que Paulo não quis esperar a reabertura do templo e avaliou que era possível fazer o batismo na propriedade. “Foi algo maravilhoso. Fizemos a escola sabatina e culto reduzidos e, logo após, o batismo em meio a natureza”, lembra.

Conheça a história:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox