Notícias Adventistas

Mulher conhece instrutor bíblico online no dia do batismo

O batismo de Almira foi o ponto alto do programa de sábado da Comissão Diretiva Plenária, que acontece na sede sul-americana adventista.

22 de maio de 2016
O encontro entre Elivando e Almira emocionou a todos. Do contato virtual ao momento pessoal: instrutor e instruída querem fazer mais discípulos.

O encontro entre Elivando e Almira emocionou a todos. Do contato virtual ao momento pessoal: instrutor e instruída querem fazer mais discípulos.

Brasília, DF … [ASN] O sorriso de Almira Stefanello Lopes dizia tudo. Ou praticamente tudo. Principalmente na hora em que deu um demorado abraço no jovem Elivando Rodrigues Moreira, de 14 anos, em Brasília, na sede sul-americana adventista. Os dois se encontraram pessoalmente pela primeira vez nesse sábado, 21, durante a Comissão Diretiva Plenária, evento que reúne a liderança da organização em oito países sul-americanos. A troca de olhares evidenciava gratidão. Almira reside em Jaciara, Mato Grosso, e viajou especialmente para o batismo especial.

Leia também:

A dona de casa foi batizada pelo pastor Luís Gonçalves, evangelista da Igreja Adventista, mas recebeu estudos bíblicos dados online pelo motivado Elivando, ele mesmo batizado há apenas um ano. O jovem, que mora no Ceará, demonstra uma maturidade espiritual impressionante e explicou aos presentes que deseja ser pastor ou um missionário em tempo integral. Em público ele disse ao pastor Gonçalves que deseja compreender mais claramente alguns aspectos de profecias registradas no livro do Apocalipse. O evangelista prontamente o atendeu após o momento do batismo e Almira.

Elivando relatou que estuda a Bíblia atualmente com outras oito pessoas e o faz basicamente por meio da ferramenta de conversação online Whatsapp. Ele conheceu Almira em um grupo de pessoas que ouve uma rádio online chamada Advento. Nesse ambiente virtual, Almira desabafou sobre problemas pessoais até manter contato com o rapaz que, então, iniciou o envio de músicas cristãs e estudos bíblicos online diretamente para ela. “Esse é um exemplo de que as novas gerações têm um enorme potencial para levar a mensagem de Deus”, afirmou o pastor Helder Roger Cavalcanti, um dos vice-presidentes da Igreja para oito países sul-americanos.

Missionária-advogada

Pastor Elbert Kuhn conversa com Ila e detalha um pouco do trabalho dela na isolada ilha brasileira.

Pastor Elbert Kuhn conversa com Ila e detalha um pouco do trabalho dela na isolada ilha brasileira.

A intenção do programa de sábado de manhã, na Comissão Diretiva Plenária, era a de evidenciar a real importância de um esforço para apoiar iniciativas que desenvolvam jovens, crianças e adolescentes na evangelização. E quem foi à frente falou com o objetivo de inspirar os líderes.

Foi o caso da advogada Ila Lúcia Gomes. Ela e a amiga trabalham desde março desse ano como voluntárias, dentro do projeto 1 Ano em Missão, na Ilha do Bananal, em Tocantins. Ila ressaltou que é uma das poucas pessoas de sua família com formação superior e que, por essa razão, havia uma grande expectativa após sua graduação, inclusive em relação ao apoio nas despesas de casa. Com tato, ela afirma ter explicado aos parentes que tinha o desejo de servir com missionária durante um tempo. Ficou surpresa, inclusive, com a reação positiva da vó diante da sua decisão. “Ela estava mais feliz em assistir à cerimônia de consagração dos missionários do que com a minha colação de grau”, comparou.

Até dezembro ela e a amiga continuarão com o trabalho feito junto aos índios carajás na Ilha do Bananal. A denominação adventista, aliás, é a única cristã com atuação constante na região conforme afirmaram as missionárias. [Equipe ASN, Felipe Lemos]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox