Notícias Adventistas

Desbravadores se destacam na semana do lenço

Por Amanda Januário 24 de setembro de 2021

Diversas ações foram realizadas e chamaram a atenção da comunidade em torno dos clubes. O uso do lenço amarelo foi uma das marcas dos juvenis 

Em suas mãos ele segurava uma embalagem de produto, de repente, uma atendente da padaria virou-se e perguntou: “Você é um desbravador”? Meio surpreso e se esquecendo do lenço amarelo que estava em seu pescoço, respondeu: “Sim, eu sou”. Então, veio a segundo questionamento. “Você é da igreja adventista?”, e a reposta do Helio Bochnie, responsável por todos os clubes de desbravadores na região central do estado, foi afirmativa.  

A conversa se decorreu com um misto de lembranças. A funcionária do estabelecimento havia conhecido o clube no Maranhão, por meio de um pregador e ali, fez grandes amizades. Mesmo estando distante do seu estado natal, ela mantinha contato, se mantendo atualizada das atividades do clube como acampamentos, desfiles e atividades regulares.  

A conversa não terminou naquele dia, em outra ocasião, quando Bochnie voltou aquela padaria, sua nova amiga gritou ao vê-lo: “olha meu amigo desbravador” e esboçou um sorriso com brilhos nos olhos. 

Semana do lenço 

Essa é apenas das múltiplas histórias envolvendo a semana do lenço. A data é separada para homenagear e estimular os desbravadores. Além de trabalhar esses pontos, a semana comemorativa vem com objetivo de contribuir com a campanha do Setembro Amarelo em solidariedade e apoio à pessoas que sofrem de depressão. 

O clube de desbravador é caracterizado por colaborar com aspectos fundamentais do desenvolvimento das crianças de 10 a 15 anos.  De acordo com Lucas Constantino, diretor do clube localizado no bairro São Pedro, muitos juvenis chegam até eles em uma situação precária financeiramente, psicologicamente e/ou espiritualmente. Com isso o clube “ajuda no que a criança ou adolescente necessita, seja alimentos, roupas, conversas, carinho e uma palavra de conforto”, pontua Constantino. 

Desbravadores distribuem livro missionário e espalham a campanha Quebrando o Silêncio

Moção de aplausos 

Essas ações não passam despercebidas dos olhares da sociedade. Um exemplo disto é a cidade de Mogi Guaçu.  Neste mês de setembro, dedicou uma moção de aplausos ao Clube de Desbravadores. O vereador Fernando José Marcondes, que estimulou o ato, contou que após assumir o cargo político passou a descobrir pontos do município, entre eles, encontrou o Clube de Desbravadores.  Para ele as características que lhe chamaram atenção no grupo, além dos serviços sociais, “ é formação de crianças que possui mais emprenho e mais ética”. 

Além da moção de aplausos, a cidade incluiu o Dia do Desbravador no calendário município, sendo comemorado anualmente todo segundo sábado do mês de setembro. Dessa forma, abre-se espaço para que mais pessoas conheçam os trabalhos realizados por esse grupo. 

Os clubes Atlânticos, Home Adventure e Nove de Abril compareceram a câmara representando os outros clubes da região.

Atividades realizadas  

Entre as ações frequentemente realizadas pelos clubes de Desbravadores estão:  

Serviços à Comunidade:  campanha do agasalho, arrecadação de alimentos, doação de sangue, passeatas de saúde, plantio de arvores, melhoria de praças, ruas e outros serviços.  

Trabalhos Manuais: artesanato, pintura, costura, trabalhos em corda, etc.  

Estudos da Natureza: Conhecimento teórico e prático sobre animais, minerais, vegetais, estrelas, preservação ambiental, etc.  

Atividades de Missão: Visitas a orfanatos, asilos, creches, hospitais, distribuição de panfletos, material educativo, etc.   

Como participar 

No mundo existem mais de 61 mil clubes de Desbravadores, só na região central de São Paulo são 152 espalhados pelo território.  Para encontrar um clube mais próximo de você, acesse: 

www.clubes.adventistas.org/br

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox