Notícias Adventistas

Ministério Pessoal

Congresso “Todos pela Palavra” reúne mais de 500 líderes em Sergipe

Líderes foram inspirados a pastorear pessoas nas Unidades de Ação da Escola Sabatina em suas igrejas locais.


  • Compartilhar:

Mais de 500 líderes da Escola Sabatina do estado de Sergipe, participaram neste domingo do Congresso “Todos pela Palavra”. O encontro reforçou a importância do estudo da bíblia diariamente, através do guia de estudo, para fortalecer os membros espiritualmente. Além disso, evidenciar também a relevância das Unidades de Ação e Pequenos Grupos para movimentos missionários na comunidade e formação de novos professores através do discipulado. 

Para o responsável pela Igreja Adventista no estado de Sergipe, pastor Reginaldo Pereira, o encontro foi de suma importância para reafirmar a importância da Escola Sabatina na igreja local. “Tivemos a oportunidade de compreender mais e reforçar a necessidade das Unidades de Ação em atividade constante. E ressaltar ainda que cada professor é um pastor da sua unidade. O pastoreio precisa acontecer com cada participantes das classes estendendo-se aos Pequenos Grupos”, coloca. 

A diretora de Escola Sabatina da Igreja Central de Aracaju, Kassandra Pereira, ressalta a necessidade desses treinamentos para afirmar o caminho que a liderança local deve seguir em unidade. “Fundamental estaremos juntos, reafirmando o propósito e a missão da Escola Sabatina, que vai além dos momentos que vivenciamos na igreja aos sábados, com as unidades de ação. Aprendemos que somos pastores para os nossos alunos em todos os dias da semana”, diz. 

O líder da Escola Sabatina e Pequenos Grupos para os estados da Bahia e Sergipe, pastor João Batista, diz que a Escola Sabatina é mais que um departamento, é um estilo de vida. “Esse projeto visa envolver a totalidade dos membros em uma estrutura funcional, relevante, bíblica, missionária e discipuladora. Quando cada membro compreender e desempenhar seu papel vamos terminar a Obra e Cristo retorna para Ele buscar o Seu povo”, finaliza.

Já o pastor Gilson Oliveira, líder de Escola Sabatina e Pequenos Grupos para o estado de Sergipe relata que: "O plano é promover a prática para que se tornem parte prática de hábitos espirituais da igreja local. Fortalecendo assim a comunhão, o relacionamento e motivando os adultos, jovens e crianças no cumprimento da missão".