Notícias Adventistas

Ministério da Mulher

Passeata reforça a conscientização contra a Violência à Mulher

Quase 400 pessoas realizam uma ação a fim de motivar as pessoas a denunciarem qualquer tipo violência ou abuso


  • Compartilhar:
Projeto Quebrando o Silêncio acontece a mais de 20 anos

10 de outubro é o Dia Nacional de Luta Contra a Violência à Mulher e no Tocantins, e no Tocantins o assunto preocupa, de acordo com dados do Fórum Brasileiro de Segurança Pública os casos de feminicídios subiram 144% em 2021 no estado, sendo esta a maior alta registrada no país. A fim de minimizar esses índices, fieis da Igreja Adventista do Sétimo Dia da região de Taquaralto organizaram uma passeata para combater a violência a mulher, abuso de crianças, abandono de idosos e suicídio.

A mobilização aconteceu no sábado, 08 de outubro, na Avenida Tocantins, principal de Taquaralto, na região sul de Palmas-TO. O objetivo foi chamar a atenção da população por meio da entrega de 2 mil kits com revistas e panfletos sobre o tema. A ação faz parte da campanha “Quebrando o Silêncio” realizada há 20 anos pela entidade religiosa. "A importância dessa mobilização é salvar alguém que esteja preso em qualquer tipo de violência ou abuso. O acesso a informação dá a essas pessoas a oportunidade de denunciar e quebrar o silêncio!", explica o pastor e idealizador da passeata, Roberto Carlos.

A concentração para a passeata começou às 9h na Praça da Igreja Matriz de Taquaralto. Em seguida, os participantes percorreram a avenida até o Ginásio Ayrton Senna. Além dos mais de 130 fiéis, participaram do programa 250 crianças e adolescentes dos 09 Clubes de Desbravadores e Aventureiros da região, a ação contou com faixas, cartazes, fanfarra, carro de som e a participação dos motociclistas adventistas.

Projeto Quebrando o Silêncio

O “Quebrando o Silêncio” é um projeto educativo e de prevenção contra o abuso e a violência doméstica, promovido anualmente pela Igreja Adventista do Sétimo Dia em oito países da América do Sul, (Argentina, Brasil, Bolívia, Chile, Equador, Paraguai, Peru e Uruguai), desde o ano de 2002. A campanha se desenvolve durante todo o ano, mas uma das suas principais ações ocorre no quarto sábado do mês de agosto.