Notícias Adventistas

Alunos plantam 100 mudas de árvores às margens do Rio Doce em Colatina

Estudantes identificaram os pontos de degradação e na última sexta-feira (9) realizaram o plantio de mudas nativas

Por Leonardo Saimon 12 de julho de 2021

Estudantes do 5° ano plantam mudas nativas às margens do Rio Doce (Foto: Yuri Ferreira)

Alunos do Colégio Adventista do Espírito Santo (Edessa) plantaram 100 mudas de árvores ao longo do Rio Doce, em Colatina. A iniciativa faz parte do projeto intitulado “Como Era Doce o Meu Rio” que prevê o cultivo de plantas nativas em áreas degradadas. A ação ocorreu na manhã da última sexta-feira (9) e faz parte da disciplina de Ciências.

Leia mais:

O Colégio que também funciona aos moldes de um internato abriga em seu território uma parte significativa do Rio Doce. Por isso, os estudantes do 5° ano foram convidados a desbravarem uma trilha e identificarem pontos degradados ao longo do percurso.

“A ideia é reconstituir o solo para que tenhamos uma mata ciliar. Com essa mata ciliar, a gente protege o meio-ambiente, e também faz a proteção do rio”, explicar a professora e idealizadora do projeto Rozimar Otto.

Atividades da aula de Biologia trazem o debate sobre o cuidado com o meio-ambiente (Foto: Yuri Ferreira)

Segundo ela, plantas nativas como Pau-brasil, Saboneteira, Pata de Vaca e Ipê Rosa serão replantadas. As mudas foram doadas pela Secretaria de Agricultura de Colatina.

A ideia é que além de plantarem os estudantes possam fazer o acompanhamento destas árvores. Esta é a segunda edição do projeto Como Era Doce o Meu Rio. A primeira ocorreu em 2019, mas em 2020 foi descontinuado por conta da pandemia. Agora a instituição vai retomar a iniciativa como parte das atividades pedagógicas dos alunos.

Assista também:

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox