Notícias Adventistas

Liderança

Encontro de Escola Sabatina orienta líderes para a igreja pós-pandemia

Os seminários tiveram como foco ensinar o verdadeiro objetivo da Escola Sabatina, reforçando aos líderes sobre a importância de serem missionários.


  • Compartilhar:
Pr. Bill Quispe palestrando para os líderes de igreja, diretores e professores de Escola Sabatina

Aconteceu em Alta Floresta, no estado do Mato Grosso, um encontro com os líderes de igreja, diretores e professores da Escola Sabatina. O evento aconteceu nos dias 22 e 23 de abril (sexta-feira e sábado à tarde), organizado pela Igreja Adventista do Sétimo Dia para a região oeste do Mato Grosso (MisOM - Missão Oeste Mato-Grossense). No treinamento, o tema abordado foi: "A Escola Sabatina como uma escola de formação missionária e seus desafios no pós-pandemia". O encontro reuniu cerca de 150 pessoas dos distritos de Alta Floretas e Cidade Alta.

Os seminários foram ministrados pelo Pr. Bill Quispe, líder de Escola Sabatina da Divisão Sul Americana (DSA), pelo Pr. Jómarson Dias, líder de Escola Sabatina da União Centro-Oeste Brasileira (UCOB). "Esse encontro tem a sua importância por algumas razões, principalmente por estarmos em um período de pós-semana santa. E esse final de semana ele serviu para podermos estar motivando novos missionários, para que eles possam estar atendendo à essas pessoas interessadas que vieram/conheceram a Igreja por meio da Semana Santa", explica o Pr. Jómarson Dias.

O Pr. Reverson Almeida, líder da Escola Sabatina para o Oeste do Mato Grosso, bem como, responsável por organizar esse evento, explica que o objetivo maior é trabalhar com esses líderes o resgate do papel da Escola Sabatina na missão da igreja. "Esse já é o segundo módulo, já havíamos realizado em outro momento esse encontro. Agora, estamos reforçando, com o objetivo de levantarmos uma verdadeira Geração Missionária", afirma.

Por meio dos assuntos debatidos, a importância do treinamento foi destacada através da conscientização dos professores de que, como líderes; eles primeiro devem pastorear e serem exemplos na ação missionária. "Só assim eles serão uma inspiração aos seus alunos. Um grupo consciente da sua identidade missionária da Escola Sabatina, fortalecido com o estudo diário e pronto para o IDE", reforça o Pr. Zilmar dos Santos, líder da Igreja de Alta Floresta.

Ao final do treinamento, os líderes que estiveram participando, conseguiram entender o verdadeiro significado da Escola Sabatina. "Creio que foi de grande importância para a igreja. Os temas apresentados foram muito esclarecedores a respeito dos objetivos da Escola Sabatina. Esse foi o segundo ano consecutivo que tivemos estas orientações e como a igreja está em constante transformação pelos novos membros que chegam, esses temas são de suma importância. Agora, é colocar em prática!", esclarece Bruno Scheffel, ancião da Igreja Central de Alta Floresta.