Notícias Adventistas

USB lidera encontro de pastores da AC e reforça o C1S1

Encontro promoveu o surgimento de ideias para maior envolvimento dos adventistas da região centro sul de Santa Catarina

26 de março de 2017

PAMP aconteceu no CATRE

Gov. Celso Ramos, SC… [ASN] Um encontro diferente para os pastores da Associação Catarinense – AC (IASD Centro Sul de Santa Catarina), sem o foco em trazer soluções, mas em fomentar o crescimento das igrejas locais. Esse foi o objetivo do PAMP (Programa de Apoio ao Ministério Pastoral) liderado pela União Sul Brasileira (USB) e realizado hoje, 26 de março, no CATRE (Centro Adventista de Treinamento e Recreação). “Reforçamos o Cada Um Salvando Um depois desses três anos e promovemos um ambiente de discussão para obter melhores resultados espirituais”, explica o pastor Marlinton Lopes, Presidente da USB.

De maneira um pouco mais informal, distritais, capelães e departamentais estiveram distribuídos em mesas para discutir três áreas importantes das congregações locais: Formação de Novos Líderes, Revitalização da Escola Sabatina e Multiplicação dos membros no CRM (Comunhão, Relacionamento e Missão. “São gargalos que precisamos trabalhar e inclusive quebrar certos paradigmas. Mudar a visão. Ter uma visão do reino de Deus”, explica o pastor Charles Rampanelli, Secretário da USB.

Em cada uma dessas três áreas testemunhos de pastores locais de outros campos, e da própria AC, incentivaram o surgimento de ideias nas discussões entre os pastores. “Não iremos comentar nesta notícia detalhes deste ponto para não estragarmos a surpresa para os próximos PAMPs que iremos realizar. Estamos nestas duas semanas passando pelos nove campos da União”, acrescenta Charles.

“Nosso foco é o envolvimento dos membros. Reforçamos essa visão porquê depois desses três anos sabemos que estamos no caminho certo. Não tem volta. Estamos trabalhando com essa nova visão para obter novos resultados. A gente crê que existem três etapas no crescimento. Primeiro é o cognitivo, conhecer o processo. O segundo é o emocional, se apaixonar por essa visão. E o terceiro tem haver com a mão, que é a ação. Não queremos os mesmos resultados, queremos na verdade sermos a última geração que levará a mensagem final da volta de Jesus”, explica o pastor Marlinton.

Ao final os pastores foram motivados a planejarem desafios nessas três ênfases apresentadas no PAMP. “Eu senti que preciso reinventar meu ministério. Derrubar ideias antigas e direcionar meus esforços em ter uma igreja mais viva e atuante. Todos envolvidos, incluindo resgatar os membros inativos”, comenta o pastor Dyotagnan Maia, do distrito de Garopaba. “Ellen White fala que quando a maioria da igreja estiver envolvida na missão, receberemos a chuva serôdia e assim será concluída a pregação do evangelho. Esse final serviu para uma verdadeira declaração de confiança nessa visão [Cada Um Salvando Um]. Uma direção que não tem volta”, conclui o pastor Apolo Abrascio, Presidente da Associação Catarinense. [Equipe ASN – Daniel Gonçalves]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox