Notícias Adventistas

Ted Wilson faz apelo para que membros vivam de acordo com a Bíblia

“Não perca o foco sobre a razão de sermos adventistas do sétimo dia”, apela o presidente mundial da Igreja Adventista

Por Marcos Paseggi, Adventist Review 11 de outubro de 2021

O presidente da Associação Geral, Ted N. C. Wilson, faz seu discurso no Concílio Anual 2021 em Silver Spring, Maryland, Estados Unidos (Foto: Brent Hardinge/Adventist Media Exchange)

Em seu sermão durante o encontro do Concílio Anual de 2021, o presidente da Associação Geral, sede mundial da Igreja Adventista, Ted N. C. Wilson, fez um apelo para que os líderes e membros da denominação vivam e testemunhem de acordo com o que foi apresentado na Bíblia.

“Aceitem e sigam a verdade apenas de acordo com a Palavra de Deus”, enfatizou em sua mensagem no dia 9 outubro de 2021 aos membros da Comissão Diretiva da Associação Geral. “Meus queridos líderes e membros da Igreja, mantenham seu foco na Bíblia. Não permitam que vozes estranhas confundam o que acreditamos.”

Leia também:

Os comentários de Wilson foram parte de seu discurso pastoral no Concílio Anual de 2021 da denominação em Silver Spring, Maryland, Estados Unidos. Devido às restrições contínuas e considerações orçamentárias, a maioria dos membros e convidados estão acompanhando o evento, realizado de 7 a 13 de outubro, de forma online.

Viver de acordo com a Palavra de Deus é ainda mais significativo quando se considerado o mandato missionário, explicou Wilson. “Temos fortes verdades bíblicas fundamentais dadas a nós por Deus desde o começo de nosso movimento do advento para serem entregues ao mundo”, relembrou ele.

Em sua mensagem de 86 minutos, Wilson apelou repetidamente para “dar algum som à trombeta”, uma imagem bíblica que faz referência à missão de um vigia que alertou o povo sobre o perigo iminente no antigo Israel. Segundo ele, em um contexto contemporâneo, implica não se desculpar pelas crenças adventistas baseadas na Bíblia.

“Os membros de nossa Igreja anseiam ouvir mensagens sobre a convicção e a afirmação das crenças bíblicas de nosso movimento de advento”, pontuou Wilson. “Os pilares teológicos do movimento adventista do sétimo dia de Deus são sólidos e fundamentados na Palavra de Deus. Sua Palavra é segura e sólida como uma rocha.”

Ensinamentos destruidores da fé

Em sua mensagem, Wilson listou algumas das, segundo ele, “aberrações teológicas” que estão circulando por aí em vez de avançar o que deveria ser uma alternativa biblicamente sólida.

Ele mencionou que muitos não aceitam a Palavra de Deus como autoritativa, com alguns até questionando a credibilidade do cânon bíblico. Ao mesmo tempo, outros tentam diminuir o papel do Espírito de Profecia. “O Espírito de Profecia é absolutamente confiável e deve ser considerado e aceito por completo”, destacou ele em relação aos escritos da cofundadora da Igreja Adventista, Ellen G. White. “Não se desculpem por usar ou incentivar o Espírito de Profecia e seus conselhos celestiais. Esse é um presente de Deus enviado do Céu.”

Wilson também mencionou a negação da urgência dos tempos (“Não se atente às vozes estranhas que podem dizer: ‘nosso cenário atual continuará’”), ecumenismo (“nunca devemos nos comprometer e nos envolver em atividades religiosas ecumênicas”) e congregacionalismo (“somos uma família mundial de crentes que se amam e apoiam uns aos outros”).

Ele também mencionou, entre outras coisas, a oposição aos mandamentos de Deus (“A lei de Deus é eterna”), a evolução (“Deus fez esta terra em seis dias e descansou no sétimo dia”) e a rejeição da reforma de saúde (“Levantem a bandeira da temperança contra qualquer forma de substância que altera a mente”).

Wilson ressaltou a relevância da Bíblia e sua mensagem no momento atual (Foto: Brent Hardinge/Adventist Media Exchange (CC BY 4.0))

Entre os mais de doze ensinos teológicos falsos, Wilson referiu-se a comportamentos de estilo de vida que vão contra a visão bíblica da sexualidade. “A imoralidade sexual em qualquer forma deve ser transformada por meio do poder de Deus operando na vida”, enfatizou. “O ideal de Deus deve ser seguido, novamente por meio de Seu poder, para nos colocar em um relacionamento correto com Suas leis morais e naturais.”

Embora Wilson reconheça que esse é um assunto delicado, ele disse que não se pode fica calado sobre o que a Bíblia ensina como uma vida e prática corretas. “Devemos mostrar respeito cristão por todas as pessoas, mas Deus nos chama, por meio de Sua força, para seguir Seu plano criado para a sexualidade humana.”

Elevando Cristo e Sua mensagem

Na última parte de seu sermão, Wilson lembrou aos líderes e membros da Igreja “qual é nossa principal missão”, que inclui “levantar Cristo, Sua justiça, as três mensagens angélicas e Seu breve retorno”. As três mensagens angélicas registradas em Apocalipse 14 são três mensagens especiais que o povo de Deus é chamado para compartilhar com o mundo inteiro.

Por isso, ele enfatizou que Deus está chamando Seu povo para proclamar essas mensagens. O problema é, reconheceu, que “muitas pessoas não as entendem ou as ignoraram, e algumas estão tentando distorcê-las ou até mesmo mudar o significado dessas mensagens”. “Para proclamar essas mensagens dadas por Deus ao mundo, nós mesmos devemos entendê-las e aceitá-las.”

Consequentemente, Wilson encorajou os líderes e membros da Igreja a estudar a fundo e acreditar nas três mensagens angélicas pessoalmente, permitindo que elas também transformem seus corações. Ele também sugeriu permitir que o Espírito de Deus preencha cada um com um amor profundo e semelhante ao de Cristo por todos ao repartir essas mensagens e usar métodos baseados na Bíblia para compartilhar cada aspecto delas.

Chegou a hora de “revitalizar seu trabalho, sua igreja e sua organização por meio de reavivamento e reforma, suplicando ao Espírito Santo que traga vida espiritual”, sublinhou Wilson. “Não se desvie, se preocupe ou perca foco sobre a razão de sermos adventistas do sétimo dia”. Perto do encerramento de sua mensagem, ele repetiu: “Exorto nossos membros e o mundo a não serem enganados. Mantenhamos nossos olhos em Jesus, em Sua Santa Palavra e naquilo que Ele está nos chamando para proclamar”.


versão original desta notícia foi publicada pela Adventist Review.

Você também pode receber esse e outros conteúdos diretamente no seu dispositivo. Assine nosso canal no Telegram ou cadastre seu número via WhatsApp.

Quer conhecer mais sobre a Bíblia ou estudá-la com alguém? Clique aqui e comece agora mesmo.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox