Notícias Adventistas

Prefeito toma decisão por Cristo no Mato Grosso do Sul

Prefeito Darcy Freire disse que queria pagar o preço de se tornar cristão conforme os ensinos bíblicos.

2 de julho de 2014
Inicialmente incompreendido, mandatário da cidade está feliz com decisão

Inicialmente incompreendido, mandatário da cidade está feliz com decisão

Douradina, MS… [ASN] No domingo, 22 de junho, a Igreja Adventista da cidade de Douradina estava lotada de membros e visitantes não adventistas que desejavam acompanhar o batismo de Darcy Freire, prefeito do município localizado a 177 quilômetros de Campo Grande, capital do Estado do Mato Grosso do Sul. Darcy conheceu a mensagem adventista com 25 anos e, algum tempo depois, se afastou, passando 35 anos distante da igreja. “Nesse tempo, muita coisa aconteceu e há alguns meses senti em meu coração o desejo de retornar, decidi ouvir a voz de Deus e hoje é um dia especial para mim e minha família”, comenta. Segundo Maria Freire, esposa de Darcy, a decisão exigiu renúncias por parte do marido, devido ao cargo político que exige que muitas atividades sejam realizadas no sábado. “Há muito tempo eu orava e nunca deixei de confiar. A atitude dele não foi algo fácil, pois muitas pessoas cobraram uma posição diferente”, ressalta.

Confiança em Deus

Diante deste cenário a decisão de assumir uma postura cristã pode colocar em jogo a vida na política, mas, segundo conta Darcy, foi durante uma análise dessas que ele pode ver claramente a atuação de Deus em sua vida. “Acredito que é um passo de fé. Eu sei o que é a verdade e passei muito tempo longe dela. Não era fácil ver o sofrimento da minha família e de minha esposa. A política também não é fácil. Passei por algumas provações nesse meio e vi que longe de Deus esse era o resultado. Tomei minha decisão e me sinto imensamente feliz com ela”, pontua o gestor. Ainda de acordo com o prefeito, apesar das circunstâncias que sua decisão trouxe à sua carreira política, ele manteve-se firme desde o início. “Eu me reuni com os funcionários da Prefeitura, contei a eles sobre minha decisão de mudar de vida e pedi a eles respeito em relação a isso. Afirmei que não participaria mais de festas e eventos que colocassem meus princípios à prova. Alguns entenderam, outros duvidaram, mas nada disso me impediu de continuar”, comenta.

Mudança de vida

O batismo é ainda recente, mas o trabalho missionário já estava no sangue da família e o prefeito não perde uma oportunidade de falar do amor desse Deus que o resgatou e o trouxe de volta. “Ele já entrega livros A Única Esperança aos amigos, explica para eles o conteúdo do livro e não deixa de evangelizar as pessoas. Me sinto até pequena diante do ânimo e vigor dele para a obra de Deus, mas agora caminhamos lado a lado, rumo à eternidade”, comemora Maria Freire. O pastor João Batista, líder distrital da cidade de Douradina e responsável pelo batismo, conta que, embora no meio do caminho as dificuldades insistiram em aparecer, o que mais o impressionou foi a firmeza de Darcy em manter-se na direção correta, não importasse as consequências terrenas. “Eu acompanhei o Darcy em suas decisões, estudei a Bíblia com ele e tomar uma decisão ao lado de Cristo pela função que ele desempenha não é fácil, pois ele vai ter que renunciar muita coisa, ainda assim o que mais me alegra é a firmeza com que ele se decidiu”, analisa. João Batista conclui com uma frase que, segundo ele, marcou seu trabalho como evangelista na pequena cidade. “Em uma das visitas a ele eu ouvi o seguinte: ‘Pastor, eu quero pagar esse preço. Quero entregar meu coração a Jesus Cristo através do Batismo”, lembra. [Equipe ASN, Rebeca Silvestrin].

Notícias Relacionadas


Comentários

WordPress Image Lightbox