Notícias Adventistas

Pastor adventista e filha são libertados após quatro dias de cativeiro

Os dois foram detidos há alguns dias na capital do Haiti e, desde o dia 24 de dezembro, pessoas em todo o mundo têm orado a respeito do assunto.

Por Divisão Interamericana da Igreja Adventista do Sétimo Dia 28 de dezembro de 2020

Sede da Divisão Interamericana da Igreja Adventista do Sétimo Dia. (Foto: Divisão Interamericana da IASD)

O pastor Elie Henry, presidente da Igreja Adventista do Sétimo Dia na América Central, junto com sua filha adulta Irma, foram libertados e ilesos em 28 de dezembro de 2020, em Port-au-Prince, capital do Haiti. O pastor Henry e Irma desapareceram na noite do dia 24 de dezembro de 2020.

Leia também:

“Falei com o pastor Henry e ele me informou que ele e Irma se reuniram com sua esposa, Ketlie, em Port-au-Prince, e todos estão bem”, disse o pastor Leonard Johnson, secretário executivo da igreja para a Divisão Interamericana.

“Louvamos a Deus por sua proteção”, disse o pastor Johnson. “Nossos líderes e membros da Igreja em toda a América Central e no mundo oraram por sua libertação, e estamos aliviados e gratos a Deus”.

Em nome da Administração da Divisão Interamericana da Igreja Adventista, o pastor Johnson agradeceu aos indivíduos e organizações que trabalharam incansavelmente e àqueles que oraram pelo retorno seguro do Pastor Henry e Irma.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox