Notícias Adventistas

Novos templos adventistas são entregues na capital mineira

Associação Mineira Central (AMC) e União Sudeste Brasileira (USeB) inauguram Igreja Adventista da Pampulha, do Capelinha, e reinauguram mais outros dois templos. 

Por Renata Paes 6 de dezembro de 2020

O último mês de 2020 é marcado pela expansão da Igreja Adventista em Belo Horizonte. Em apenas 24 horas, celebrações de gratidão ocorreram por conta da inauguração da Igreja Adventista da Pampulha, do Capelinha, e da reinauguração das Igrejas Central de Contagem e Central de Sete Lagoas.

Na sexta (4), às 19h30, foi realizada a cerimônia inaugural da Igreja Adventista da Pampulha, localizada na avenida Portugal, n° 669, bairro Santa Amélia.

A Igreja da Pampulha contou com a presença dos líderes da Igreja Adventista para a região Sudeste e Central de Minas. (Foto: Renata Paes)

A Igreja da Pampulha começou em 2016 com um Pequeno Grupo (PG) de funcionários da Associação Mineira Central (AMC).  O PG era realizado na residência do administrador financeiro da AMC, Pr. Silvanio Zahn.

Quando os colaboradores abraçaram a missão de estudar a palavra de Deus com os interessados da Novo Tempo, o pequeno grupo se transformou em uma Classe Bíblica, no auditório do escritório. Mas, o auditório se tornou pequeno para receber as dezenas de pessoas que passaram a frequentar a Classe Bíblia.

Quando a pandemia chegou, os cultos foram cancelados e o contato entre os membros mais restrito. Porém, após a autorização da reabertura dos templos religiosos, os frequentadores foram presenteados, oficialmente, com uma igreja que dispõe de mais espaço para receber visitantes.

Leia mais:

Igreja do bairro Capelinha

Celebração de inauguração da Igreja Adventista do bairro Capelinha. (Foto: Renata Paes)

No sábado(5) de manhã foi a vez da Igreja Adventista do Capelinha ser inaugurada. O mais novo templo adventista está localizado na avenida Nova York, uma das vias principais do bairro.

No mesmo dia, a Igreja também inaugurou um Centro White, espaço para pesquisas e estudos sobre os precursores do movimento adventista.

Igreja Adventista Central de Contagem

Momento em que líderes da USeB e AMC acessam o templo adventista reformado. (Foto: Renata Paes)

Em Contagem, terceiro município mais populoso de Minas Gerais,  ainda na manhã de sábado, houve a reinauguração da Igreja Adventista Central de Contagem, localizada na rua Alfredo Avelino Diniz, bairro Camilo Alves, nº 409.

A história da Igreja Central de Contagem começou a ser escrita na década de 1980 e, a partir de 1987, os adventistas passaram a se reunir no endereço atual. Em 1995 foi lançada a pedra fundamental do templo e se iniciou a construção.

Com o passar dos anos e o crescimento da igreja, houve e necessidade de reformá-la. Atualmente, o templo adventista em Contagem tem 180 membros e realiza trabalhos evangelísticos na comunidade.

A igreja também aproveitou o momento de celebração para inaugurar um museu que expõe todo o histórico do surgimento da igreja com fotos, atas antigas e troféus de desbravadores. (Foto: Renata Paes)

Igreja Central de Sete Lagoas 

Pela período da tarde de sábado foi a vez da reinauguração da Igreja Central de Sete Lagoas, que tem 38 anos de história. Os primeiros adventistas a chegarem na cidade foi o casal Guilhermina e Teodoro Rodrigues. Em seguida, outras famílias como a de Diva e Wolney Machado e Geraldina Menezes se uniram para compartilhar o evangelho e lutar pela disseminação dele na região.

Durante a cerimônia, Pr. Hiram Kalbermatter, presidente da Igreja Adventista para a região Sudeste do Brasil, destacou a importância da gratidão e a necessidade de continuar a pregação do evangelho.

O que nós queremos é que a cidade de Sete Lagoas seja impactada pela casa do Senhor, que dará bons testemunhos”, diz Pr. Hiram.

Na tarde de sábado (5), momento de inauguração da Igreja Adventista Central de Sete Lagoas. (Foto: Renata Paes)

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox