Notícias Adventistas

Em cerimônia quatro novos pastores são ordenados ao ministério

8 de outubro de 2016

O Ato de imposição de mãos dos pastores veteranos é um símbolo de consagração aos novos ministros.

Natal, RN…[ASN]  “Foi muito especial, obrigado a todos que fizeram parte dessa jornada”. Estas foram as palavras do Pastor André Uziel, um dos mais novos ministros ordenados da Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD), na cerimônia que aconteceu no último dia (05), na IASD Central de Natal, na capital do Rio Grande do Norte (RN). Quatro candidatos receberam as credenciais oficiais como ministro adventista.

De acordo pastor Antônio Brito, quando o pastor aspirante é ordenado, ele passa oficialmente a representar a IADS em todo o mundo, incluindo as funções que são atribuídas ao cargo. “Este grupo aqui foi separado não só para pastorear suas ovelhas, mas para liderar seus fiéis e conduzir pessoas aos pés de Jesus, através da pregação do evangelho. Como também, cumprir com os compromissados, deveres e responsabilidades concernentes ao pastor. Ressaltou pastor Brito, Conselheiro Espiritual da IASD para essa região – (PB/RN).

Além dos fiéis da congregação, líderes locais e todo o corpo de pastores, obreiros e padrinhos, lotaram o tempo da igreja. Os padrinhos são escolhidos por terem tido algum tipo de influência sobre a escolha que os teólogos fizeram, antes, durante e depois da faculdade, mas principalmente, na vida que terão a partir dali.

Através da imposição de mãos, por todo os pastores presentes, pastor Jadson Rocha – Conselheiro da IASD para seis estados (Piauí a Alagoas) junto aos demais, fez uma oração de consagração aos quatro novos ministros do evangelho.

Foram ordenados – André Uziel, Pedro Silva de Araujo, Maurício Bonfim e Laézio Mariano, que igualmente ao que acontece com todos, passaram por um processo de avaliação de quatro anos. E, não só eles, mas suas esposas também.

As homenagens e boas vindas  à ala feminina,  foram dadas por Cybelle Florêncio, líder da Área Feminina da Associação Ministerial (AFAM), que também empossou cada esposa, como colaboradora na atuação pastoral, também separadas para realizar atividades na igreja.

A programação contou com músicas especiais, orações e orientações bíblicas concernentes ao chamado desses homens para pastorear pessoas.

Ao final, familiares, amigos e parentes, puderam abraçar os mais novos pastores. Quase 300 pessoas estiveram no local. [Equipe ASN, Andréa Figueiró]

 

 

 

 

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox