Notícias Adventistas

Concílio propõe unificar Escola Sabatina e Pequenos Grupos para fortalecer vida cristã

Por Heron Santana 2 de fevereiro de 2020

Líderes e pastores se reuniram para debater integração da Unidade de Ação da Escola Sabatina e Pequenos Grupos.

Nas seis sedes administrativas da Igreja Adventista do Sétimo Dia para Bahia e Sergipe (União Leste Brasileira), líderes e pastores se reuniram neste domingo, 2 de fevereiro, para o I Concílio de Ministério Pessoal, Escola Sabatina e Pequenos Grupos para eses dois estados nordestinos. As reuniões estão acontecendo em Salvador, Feira de Santana, Itabuna, Eunápolis, Vitória da Conquista e Juazeiro (Bahia) e em Aracaju (Sergipe).

O evento traz uma proposta baseada na vida em comunidade inspirada pela Bíblia. Pretende unificar as estruturas de Pequenos Grupos, mais relacional, com as unidades de ação da Escola Sabatina, com apelo mais cognitivo para o estudo e ensino da Bíblia, e assim favorecer uma vida em comunidade onde todos estudam, vivem e ensinam a Palavra de Deus.

Esta é a principal ênfase do projeto Todos Pela Palavra, que orienta as ações da Igreja na Bahia e em Sergipe pelos próximos cinco anos.

Segundo o pastor Manoel Chaves, líder de Ministério Pessoal (área da igreja responsável pelo treinamento dos adventistas para a vida devocional, relacional e missional), Escola Sabatina e Pequenos Grupos da União Leste Brasileira, a unificação de estruturas vai tornar a igreja mais preparada para viver em comunhão, relacionamento e missão.

Ele escreveu, em artigo na revista especialmente produzida para orientar esse momento: “Quando iniciamos o movimento de pequenos grupos, buscando resgatar o aspecto da vida comunitária da igreja, parece que erigimos uma estrutura concorrente ou independente da Escola Sabatina, e, possivelmente, a partir daí, os comandos passaram a ser duplos ou, em alguns casos, múltiplos. Certamente que não se intencionava isso. Surge, então, a necessidade de revermos nossa história e buscarmos unificar as ações sob a sólida e centenária estrutura profeticamente guiada por Deus – a Escola Sabatina”

Acesse e faça download da revista abaixo:

Rede de Pastoreio from uniaolestebrasileira

Rede de Pastoreio

Além disso, o concílio está apresentando a Rede de Pastoreio como uma das ações para um estilo de vida cristã guiada pelas Escrituras Sagradas. De acordo com o pastor Gílson Oliveira, líder de Ministério Pessoal e Escola Sabatina da Igreja Adventista para o Estado de Sergipe, a Rede de Pastoreio será uma estrutura de fortalecimento da vida espiritual dos membros. “É uma estrutura que precisa ser montada na igreja local, onde o pastor, anciãos (líderes locais) , professores de unidade ação da Escola Sabatina e líderes de pequenos grupos acompanhem e discipulem em favor do crescimento espiritual da Igreja. Dentro da rede, as funções: pastor acompanha anciãos da igreja local, que supervisionam e apoiam professores de unidades de ação e líderes de pequenos grupos no acompanhamento e desenvolvimento espiritual dos membros.

Líderes e pastores reunidos em Itabuna durante o Concílio de Ministério Pessoal, Escola Sabatina e Pequenos Grupos

O pastor Manoel Chaves reforçou a importância deste envolvimento integral. “A unidade da igreja na diversidade de ministérios e pessoas foi o motivo da oração de Jesus em João 17. Essa unidade produz sinergia e avançamos todos na mesma direção com mais vigor”, afirmou.

Flexibilidade

Para o pastor Stanley Arco, presidente da Igreja Adventista para Bahia e Sergipe, é importante a partir de agora debater esta proposta com líderes e membros, para ouvir a todos e explicar que não se trata de uma iniciativa engessada, mas capaz de entender as peculiaridades de cada situação na igreja local. O importante, segundo ele, é a compreensão e participação de todos nesta iniciativa para alcançar o ideal de uma igreja realmente orientada pela Palavra de Deus. “Uma igreja forte é feita de homens e mulheres de todas as idades, entendendo a vontade de Deus, vivendo Seu querer e ousando cada dia convidar a outros a preparar-se pra volta de Jesus. E quanto mais a Palavra de Deus estiver presente na nossa vida, mais teremos esse entendimento e essa submissão à vontade divina”, afirmou.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox