Notícias Adventistas

Concílio mobiliza pastores para promover experiência pessoal com a Bíblia

Por Heron Santana 29 de janeiro de 2019

Concílio reúne cerca de 360 pastores da Bahia e de Sergipe.

Um drama familiar empurrou a psicopedagoga e teóloga Luzia Bastos a sofrer de depressão. Chegou a pensar em suicídio. A psicóloga Margarete Carneiro foi além e um dia saiu de casa para dar conta da própria vida. Fernando Pinheiro, que hoje trabalha em um colégio do Sistema Adventista de Educação, teve um passado de dependência do crack a um ponto que o levou a viver nas ruas. Para a arquiteta Valéria Lima, a perda do pai foi uma experiência que lhe causou profunda tristeza e desalento.

As histórias acima, que expressam dramas diversos da vida humana – depressão, tentativa de suícidio, drogas, perda de familiares, morte – possuem um ponto de convergência na Bíblia Sagrada que também representa um ponto de virada. Ao ler e estudar o texto bíblico, essas pessoas experimentaram restauração, cura, alívio, transformação, conforto e paz. “Hoje posso dizer que a Palavra vive em mim”, disse Luzia. “No momento mais difícil de minha vida, Deus trouxe um pastor para me trazer de volta para a comunhão da Palavra”, relatou Fernando. “A Palavra me alcançou no momento em que eu estava mais desolada socialmente”, afirmou Margarete. “A paz que estou sentindo hoje, quero que minha mãe e minhas amigas sintam também”, declarou Valéria.

Pastor Erton Kohler apresentou a mensagem de abertura do encontro.

É esta experiência pessoal de restauração pela Palavra de Deus que motivou a União Leste Brasileira, sede da Igreja Adventista do Sétimo Dia para Bahia e Sergipe, a lançar o Projeto Todos Pela Palavra. A iniciativa vai mobilizar todos os departamentos e ministérios para uma vida de comunhão, relacionamento e missão baseada na Bíblia. Os desafios: todos estudando a Palavra, todos vivendo a Palavra, todos ensinando a Palavra.

O projeto inspirou a realização do Concílio Ministerial da ULB e também da Conferência Internacional de Bíblia e Missão, entre os dias 27 e 31 de janeiro, no auditório do Seminário Adventista Latino-Americano de Teologia (SALT), da Faculdade Adventista da Bahia. O evento reúne cerca de 360 pastores da Bahia e de Sergipe. Líderes da União Leste Brasileira, do SALT e da Divisão Sul-Americana se juntam a convidados especiais para trazer temas que ajudam a contextualizar a importância das Escrituras Sagradas para a sociedade de hoje, mergulhada na cultura digital.

Pastor Stanley Arco, presidente da Igreja para Bahia e Sergipe.

Entre os palestrantes, destacam-se o pastor Artur Stele, vice-presidente mundial da Igreja Adventista;  o pastor Alberto Timm, Doutor em Teologia e diretor associado do White Estate; e o pastor Elias Brasil de Souza, que tem sua história ligada ao SALT da faculdade baiana (antes conhecida como Iaene). Elias fez bacharelado em Teologia pelo seminário adventista baiano, e concluiu doutorado em Teologia pela Andrews University, nos Estados Unidos. Atualmente é diretor do Instituto de Pesquisa Bíblica, sediado em Silver Springs, Maryland.

Em seu primeiro concílio ministerial como presidente da Igreja para Bahia e Sergipe, o pastor Stanley Arco trouxe uma mensagem de boas vindas. Emocionado, o pastor Stanley fez um apelo para que os pastores participem da mobilização em favor da campanha Todos Pela Palavra. “Nosso propósito é ver todos estudando, vivendo e ensinando a Palavra de Deus”, disse o líder.

O pastor Erton Kohler, presidente da Divisão Sul-Americana, sede da Igreja Adventista para oito países da América do Sul, apresentou na mensagem de abertura um alerta a partir do livro do Apocalipse para uma Igreja com senso de urgência neste momento do mundo. “A batalha parece desproporcional,  mas a vitória será dos eleitos do Senhor”, disse.

O concílio prossegue até quinta-feira, 31 de janeiro.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox