Notícias Adventistas

Cerimônia de ordenação e jubilação marca ministério de pastores

Enquanto quatro pastores recebem a confirmação da vocação pastoral, um conclui seu ministério dedicado a Deus.

Por Mayra Marques 17 de dezembro de 2018

Pastores departamentais e distritais participaram da cerimônia de ordenação, com oração conduzida pelo pastor Geraldo Magela, Ministerial da USeB. (Foto: Mayra Marques)

Nesse domingo, 16 de dezembro, aconteceu uma Cerimônia de Ordenação e Jubilação Pastoral da Associação Mineira Sul (AMS), sede administrativa da Igreja Adventista para a zona da mata e o sul de Minas Gerais. A programação solene aconteceu na igreja adventista central de Juiz de Fora, com a presença de cerca de 400 pessoas. O momento foi um marco na vida pessoal e ministerial de cinco pastores e suas famílias.

Os pastores Allan Stênio, Sirlei Vasques da Costa, Arizene Gonçalves e Rafael da Motta Guimarães foram ordenados ao ministério pastoral, enquanto o pastor Donizetti Tófoli chegou ao final de seu ministério, após 27 anos pastoreando igrejas. Na AMS, o pastor Tófoli serviu à Igreja por cerca de dois anos.

O pastor Maurício Lima, presidente da União Sudeste Brasileira (USeB), sede administrativa da Igreja Adventista para os estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo, conduziu a mensagem central da cerimônia de ordenação e jubilação. E o pastor Geraldo Magela, líder Ministerial da USeB, realizou a oração de benção e ordenação dos pastores. Seguindo o modelo bíblico, a Igreja Adventista do Sétimo Dia separa homens, através da imposição de mãos, para o sagrado exercício do Ministério Pastoral.

Pastor Donizetti Tófoli realiza seu último batismo oficial após encerrar o ministério na AMS. (Foto: Mayra Marques)

Durante a cerimônia, o pastor Gustavo de Sá, presidente da AMS deu as boas vindas aos pastores ordenados e suas esposas. E, carinhosamente, em nome da sede administrativa da Igreja nessa região despediu-se do pastor Tófoli. “Minhas palavras são apenas de agradecimento e louvor a Deus pelo seu ministério”, proferiu o pastor Gustavo de Sá. “Desejo a você as mais ricas bênçãos de Deus nesta nova e importante fase de sua vida. O ministério é para toda a vida. Com a jubilação, ele apenas muda a maneira como o desempenhamos, ou seja, continuaremos no mesmo trem, porém em vagões diferentes, mas a nossa estação já está chegando muito em breve”, finalizou, referindo-se ao céu como destino.

Os pastores ordenados tiveram a oportunidade de realizar oficialmente seus primeiros batismos após a confirmação da vocação pastoral. Essa ocasião foi surpresa para eles, que alegremente batizaram, ao todo, cinco pessoas. O pastor Tófoli também realizou, de forma oficial, a sua última cerimônia batismal. Mas ele afirmou: “Este é o meu último batismo oficial, porém eu quero continuar batizando pessoas até quando Deus me permitir.”

Giselli Belinassi de Sá, líder da Área Feminina da Associação Ministerial (AFAM) da AMS, expressou gratidão à Maria Neuza Tófoli, esposa do pastor Tófoli, como reconhecimento ao companheirismo dela durante o ministério de seu esposo. “O grupo da AFAM saúda você com admiração por ter a sua vida como um exemplo a ser seguido na fidelidade ao seu esposo, família, igreja e ao ministério pastoral”, destacou. Sara Lima, líder da AFAM da USeB, também proferiu palavras de gratidão e bênçãos à Maria Neuza.

Conheça os pastores ordenados:

(Escrito por Pr. Luiz Claudio Leite, Ministerial da AMS)

Pr. Allan Stênio

Allan Stênio Santos é natural de Capinópolis – MG, nascido em 25 de abril de 1986. Conheceu a Igreja Adventista aos 7 anos de idade. Foi batizado aos 12 anos no dia 28 de setembro de 1998. No final do ano de 2002, sentiu o chamado feito por Deus para ser um pastor adventista. Esse chamado o fez sair de casa aos 15 anos de idade, levando-o a experimentar um preparo e profundo relacionamento com Deus. No mesmo ano, tornou-se colportor efetivo na cidade de Araxá – MG, e meses depois obreiro bíblico da Associação Mineira Central. Por cinco anos, trabalhou em diversas cidades sem a presença da igreja adventista em Minas Gerais, o que o levou à paixão pelo evangelismo. Antes de ingressar no curso de teologia, já havia fundado quatro igrejas e realizado mais de 20 séries evangelísticas. Foi líder Jovem, diretor de Desbravadores e Ancião na igreja em que foi batizado.

Em 2006, iniciou seu preparo acadêmico no Centro Universitário Adventista de São Paulo (UNASP). No quarto ano de estudos recebeu o chamado para auxiliar o projeto evangelístico para mentes pós-modernas em São Paulo (Nova Semente), onde pôde vivenciar na prática o desafio de ser relevante nos grandes centros urbanos. Também auxiliou como pastor jovem na igreja do Tucuruvi – SP, enquanto ainda cursava teologia. Em 2011, na cidade de Presidente Kennedy – ES, onde realizava um evangelismo nas férias de julho, conheceu a jovem Lorhana Helvécio Marvila, iniciando um namoro seis meses depois. Em 19 de janeiro de 2014 vivenciou ao lado dela o momento mais especial de sua vida, o dia do seu casamento. Em junho de 2012 recebeu o chamado oficial para ser pastor na Associação Sul Espírito Santense. Pastoreou o distrito central de Guarapari – ES e também o projeto Espaço Novo Tempo, em Vila Velha – ES. Em maio de 2014, recebeu o chamado para pastorear o distrito de Campo Belo – MG, na Associação Mineira Sul. Hoje é pastor no distrito de São Bernardo, em Juiz de Fora – MG.

Pr. Arizene Gonçalves 

Arizene Gonçalves Ferreira nasceu em 18 de dezembro de 1983, em Varzelândia – MG. É filho de Arioste Gonçalves Ferreira (in memoriam) e Zenita Rodrigues da Luz Ferreira. Entregou sua vida a Cristo ainda juvenil, sendo batizado em 24 de setembro de 1994, aos 11 anos de idade. É casado com Ana Paula Gonçalves da Silva.

Aos 22 anos sentiu um desejo ardente no coração de trabalhar integralmente para o Senhor. Atendendo a este chamado, foi para a colportagem, onde atuou por 10 anos servindo ao Senhor nessa obra. Posteriormente entendeu que poderia servir ao Senhor no Ministério Pastoral. Atendendo a este chamado, iniciou os seus estudos no seminário Adventista, na Universidad Adventista Del Plata, Argentina, em 2009.

Em 2013, concluiu a sua formação teológica e começou a exercer o ministério pastoral no ano seguinte, sendo designado para pastorear o distrito de Mariana, localizado na cidade de Mariana – MG.

Atualmente atende o distrito de Carangola, onde contribui de maneira significativa para o crescimento da igreja nesta região.

 

 

Pr. Rafael da Motta Guimarães 

Rafael da Motta Guimarães nasceu no dia 6 de janeiro de 1987 e é a terceira geração de adventistas em sua família. É natural de Belo Horizonte (MG), mas aos 3 anos se mudou para o Rio de Janeiro, onde viveu boa parte da vida. Por volta dos 10 anos, sofreu um acidente na praia e quase perdeu a vida. Neste momento desesperador, prometeu servir a Deus, caso Ele o salvasse. Foi então que, após essa experiência de quase morte, decidiu ser batizado. A cerimônia foi realizada pelo pastor Irineu Stabenow, na igreja de Botafogo (RJ), onde frequentava. Após concluir o Ensino Médio, iniciou os estudos no curso de Relações Internacionais, com o sonho de ser um diplomata. Aos 20 anos, mudou-se com sua família para Brasília, onde terminou sua primeira faculdade e teve a grande oportunidade de servir a Deus de forma mais profunda, assumindo a direção da Escola Sabatina Jovem da Igreja Central de Brasília; também ministrava estudos bíblicos e pregava em diversas igrejas.

Ao dedicar boa parte do tempo às atividades espirituais, seus sonhos tomaram outro rumo, pois sentiu o chamado de Deus para se dedicar à pregação do evangelho em tempo integral, como um ministro. Assim, iniciou os estudos em teologia no Unasp – EC, em 2011. No ano seguinte, continuou os estudos no Seminário Latino Americano de Teologia-BA (SALT – IAENE), onde atuou no Ministério Jovem da igreja do campus e, posteriormente, foi pastor auxiliar na mesma congregação. Formou-se em 2014 e foi chamado para iniciar seu ministério na Associação Mineira Central, em Belo Horizonte, no distrito do Novo Glória, atuando ali por dois anos. Em 2017, foi transferido para a cidade de Divinópolis (MG), onde permaneceu durante um ano. No final deste mesmo ano, recebeu o convite para fazer parte de uma nova família: a Associação Mineira Sul. Em 2018, assumiu o distrito de Conselheiro Lafaiete, onde está atualmente. O pastor Rafael é casado com Alessandra Cristina Guimarães desde 2015.

Pr. Sirlei Vasques 

Sirlei Vasques da Costa é natural de Muriaé, MG, nascido no dia 3 de outubro de 1981, filho de Helena Vasques da Costa e Sebastião Sirio da Costa (in memoriam). É casado com Josiane Ferreira Gomes da Costa e pai de Enzo Valentim Gomes Vasques da Costa.

Nascido em lar Adventista, foi batizado no dia 15 de abril de 1994. Ainda muito jovem se apaixonou pela pregação da Palavra e começou seu ministério leigo de pregação nas várias igrejas da região onde morava. Sentindo-se chamado por Deus para o ministério pastoral, ingressou no Seminário Latino Americano de Teologia-BA (IAENE) no ano de 2011. Graduou-se em Barechal em Teologia no final do ano de 2014.

Lá exerceu atividades curriculares: monitor do SALT e atuação na missão Iaenense, onde foi diretor de MiPES no ano de 2014. Teve o privilégio de concluir uma pós-graduação em Estudos Sobre Psicologia da Família na Faculdade Adventista da Bahia no mesmo ano. Recebeu o chamado para iniciar seu ministério pastoral no distrito de Alto Jequitibá-MG, cidade da Associação Mineira Sul, onde ficou por três anos. Agora exerce seu ministério pastoral no distrito de São Lourenço, desde janeiro de 2018.

 

 

 

 

 

Conheça o pastor jubilado: 

Pr. Donizetti Tófoli 

Nascido em Albertina-MG em 13 de agosto de 1957, Donizetti Tófoli e sua família logo mudaram-se para o Paraná, na cidade de Cornélio Procópio, onde Tófoli viveu até aos 13 anos. Depois foi morar em Santo André-SP, onde viveu até 1984. Casou-se com Maria Neuza de Souza Tófoli, e dessa união nasceram dois filhos, Deise Tófoli Firmiano e Denesson Souza Tófoli. E como parte da família, o genro, Denilson Firmiano, e uma neta, Lorena Tófoli Firmiano.

Conheceu a mensagem Adventista ainda em Santo André-SP, sendo batizado em 1980 na Igreja Adventista Central de Santo André. Mudou-se para Capão Redondo-SP, onde sentiu-se chamado para o ministério pastoral, iniciando em 1986 o curso teológico e formando-se 1990. Foi chamado pela Associação Paulistana (AP) em 1991. Permaneceu na AP até 2005, servindo a Igreja em cinco distritos pastorais. Em 2006, recebeu o chamado para a Associação Paulista Oeste, onde permaneceu até 2012. Depois, aceitou o chamado para o Espírito Santo-ES, para atuar na Associação Sul Espírito Santense de 2013 a 2016. Em 2017, foi chamado para a Associação Mineira Sul, onde permaneceu até 2018, até ser jubilado.

Confira na galeria abaixo as fotos da Cerimônia de Ordenação e Jubilação Pastoral:

(Créditos das imagens: Mayra Marques e Bruno Quaresma) 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox