Notícias Adventistas

Infantil

Colégio promove feira entre alunos para incentivar consumo consciente

Encerramento do projeto Empreendedores Mirins ocorreu nesta quarta-feira (20) com uma feira para a “compra e venda” de brinquedos usados e alimentos doados


  • Share:

Feira promove consumo consciente entre alunos (Foto: arquivo pessoal)

Sabe aquele jogo de tabuleiro que está lá guardado no canto do guarda-roupas há meses sem uso? Ou aquele carrinho que a criança já não brinca mais? O que não serve para um, pode divertir o outro. É o que diz um projeto do Colégio Adventista de Vitória (CAV), que trabalhou o sistema monetário com alunos do 1º ano de ensino fundamental. O encerramento do projeto Empreendedores Mirins ocorreu no dia 20, com uma feira para a “compra e venda” de brinquedos usados e alimentos doados.

Leia também:

Os alunos, com idade entre 6 e 7 anos, receberam ao longo do mês “dinheiro de mentirinha”, conforme atividades realizadas por eles. Com esses valores, aprenderam sobre a valorização do Real, a identificação das notas, consumismo, economia e operações matemáticas.

Tatiana Careli, mãe da Débora, participou do projeto ao lado da família e revela que a iniciativa gerou resultados dentro de casa.

Projeto ocorreu na quadra do Colégio Adventista de Vitória (Foto: Arquivo pessoal)

"Queria ter essa oportunidade quando era estudante. Não tive. Achei incrível! As crianças estão super felizes, ficaram mais educadas, obedientes e se empenharam pra juntar e estão deslumbradas por poderem comprar tudo o que elas querem", conta.

Para o encerramento do projeto, as professoras montaram uma feira com preços onde os alunos puderam comprar brinquedos, alimentos e produtos escolares com o “dinheiro” poupado durante o mês.

De acordo com a professora Walkiria Vespa, as operações de compra e venda serviram para que as crianças utilizem, na prática, o que aprenderam sobre o sistema monetário em sala. “A ideia é que eles cresçam com a ideia do consumo consciente para que eles sejam jovens e adultos responsáveis”, reforça.

Assista também: