Notícias Adventistas

Sede da Igreja para Bahia e Sergipe lamenta falecimento do pastor Clovis Bunzen

Por Heron Santana 18 de janeiro de 2021

Pastor Clovis Bunzen liderou a Igreja e a Educação Adventista na Bahia.

A liderança da União Leste Brasileira, sede da Igreja Adventista do Sétimo Dia para Bahia e Sergipe, lamentou o falecimento do pastor Clovis Bunzen, ocorrido no domingo, 17 de janeiro, em decorrência de mal súbito. Em seu ministério, o pastor Bunzen serviu à Igreja e à Educação Adventista no Estado da Bahia.

Nascido em Recife, PE, em 12 de julho de 1952, o pastor Clovis Ferreira Bunzen Júnior começou seu ministério em 1976, como pastor distrital da Missão Nordeste. Em 1987, foi nomeado secretário da Igreja nesta mesma sede administrativa. O pastor Bunzen começou a servir na Bahia em 1989, quando foi nomeado secretário da Associação Bahia, onde permaneceu até 1996, ano em que assumiu a função de diretor do Instituto Adventista de Ensino do Nordeste – atualmente, Faculdade Adventista da Bahia (FADBA).

Pastor Bunzen, em 2006, participando de evento da Igreja no sul da Bahia.

O pastor Bunzen dirigiu a instituição adventista de ensino até 2002, quando foi nomeado presidente da Associação Bahia Sul, sede da Igreja para o sul do estado baiano, onde permaneceu até 2008. Em 2009, foi nomeado presidente da Associação Pernambucana, assumindo dois anos depois a função de secretário. Foi jubilado em 2015.

“O pastor Clovis Bunzen foi um administrador muito importante na história da Igreja Adventista na Bahia: lamentamos seu falecimento e reafirmamos a esperança da ressurreição do querido pastor”, disse o pastor André Henrique Dantas, presidente da União Leste Brasileira. “Como secretário da Associação Bahia ele foi um dos incentivadores no crescimento e surgimento de outras sedes administrativas no Estado; Como diretor geral no então IAENE, estabeleceu as bases para o crescimento da instituição que hoje é a FADBA; e como presidente da Associação Bahia Sul, foi um líder amigo e modelo para muitos dos que hoje estão na liderança da Igreja”, declarou o pastor Dantas. O pastor Clovis Bunzen deixou a esposa, Sônia Maria Lopes Bunzen, dois filhos, uma filha, cinco netas, noras e genro.

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox