Notícias Adventistas

Jovem chama a atenção da sociedade por exemplo de honestidade

Analista de sistemas encontrou carteira com dinheiro e cartões e devolveu ao dono. Ato foi elogiado na internet.

29 de julho de 2015
11822311_460210667482084_1565413127162126457_n

Janiel Freitas encontrou carteira cheia de dinheiro e divulgou nas redes sociais para achar dono.

Fortaleza, CE… [ASN] “Fui criado para não pegar o que é do outro.” É com essas palavras que o analista de sistemas Janiel Freitas, de 24 anos, justifica o ato de devolver uma carteira com mais de 400 reais que encontrou no final da manhã desta terça-feira, 28 de julho, na zona Sul de Teresina, capital piauiense.

Leia também:

Freitas, que frequenta a Igreja Adventista do Sétimo Dia na cidade, conta que a carteira estava no chão quando ele saia de uma loja de materiais de construção com sua mãe, e no primeiro momento não se deu conta de que havia dinheiro, vários catões de crédito e documentos importantes. “A primeira coisa que me veio à cabeça foi pegar para tentar devolver ao dono”, destaca.

Ele não pensou duas vezes e, apesar de estar precisando de dinheiro, usou as redes sociais para tentar encontrar o proprietário da carteira. “Galera achei essa carteira na (avenida) Miguel Rosa pertencente à Ramiro Benício da Silva. Consta documentos, cartão de crédito e R$ 407 e algumas moedas. Entrar em contato comigo para devolução”, postou no Facebook.

10999802_459970590839425_3706444610868680359_n

O analista postou no Facebook a foto dos pertences. Mensagem chegou até o proprietário.

“Algumas pessoas entraram em contato comigo, pediram mais informações, mas não diziam nada com nada. Sem nenhum dado da pessoa que tinha perdido, era nítido que queriam me enganar”, compartilha.

Honestidade

Emocionado, Benício da Silva, ex-vereador do município de Jerumenha, no interior do Piauí e dono da carteira perdida, procurou Freitas depois de ser avisado que ele havia encontrado seus documentos. O jovem ressaltou que não havia mexido em nada e que o dinheiro estava intacto como ele havia deixado.

Silva o abraçou forte e disse: “Para mim o dinheiro não importa, e sim a documentação. Muito obrigado”. O ex-vereador já havia feito boletim de ocorrência para tentar encontrar a carteira, mas não obteve sucesso. O valor que estava em sua carteira seria usado para pagar um tratamento médico.

De acordo com o analista, várias pessoas aconselharam que ele ficasse com o dinheiro e jogasse a documentação fora, já que ele estava precisando da quantia naquele momento. Porém, ele relata que apesar das dificuldades, em nenhum momento passou pela sua cabeça fazer tal coisa. “Assim que achei a carteira, eu conversei com Deus e lembrei que a algum tempo atrás eu havia pedido que ele me ajudasse, pois eu iria casar e precisaria comprar as coisas da minha casa devagarzinho, e quando achei a carteira, sabia que aquele dinheiro não teria sido enviado por Deus para mim”, frisa. “Naquele momento eu me coloquei no lugar da outra pessoa e pensei que ela poderia estar precisando muito mais do que eu.”

Essa não foi a primeira vez que Freitas encontrara pertences de valor. Em outra ocasião, achou um iPhone em uma lanchonete de um fast food e, como a carteira, o telefone foi entregue ao dono.

Repercussão

O portal de notícias O Olho fez uma extensa reportagem a respeito da atitude do analista e o chamou de “honestidade em pessoa.” As primeiras linhas do texto dizem que “em tempos que a honestidade é tida como qualidade em desuso, ainda encontra-se pessoas do bem que, com suas atitudes, provam que ela existe e é crescente.”

O veículo também destacou a fé do analista e sua crença na Bíblia, bem como o que aprendeu por meio do livro sagrado do cristianismo. Internautas elogiaram a atitude, que recebeu diversos comentários nas postagens publicadas tanto por Freitas quanto pelo Olho. [Equipe ASN, Sarah Brito]

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox