Notícias Adventistas

Inovação no formato atrai jovens para o estudo da lição da Escola Sabatina

Motivação e criatividade fortalecem o estudo da lição e envolvimento dos jovens com a Igreja em Goiânia (GO)

Por Maycon Santos 9 de novembro de 2020

Foto da inauguração da Multiforme em Goiânia (Foto: arquivo pessoal)

Utilizar da criatividade para atrair o público jovem para o estudo diário da lição da Escola Sabatina é o objetivo da liderança da Igreja Adventista do Setor Vila Nova, na cidade de Goiânia (GO). A juventude se reúne aos sábados pela manhã, a partir das 9h40, com uma programação diferenciada para os participantes.

O projeto é intitulado como Multiforme – fundamentado no verso de I Pedro 4:10. “Servi uns aos outros de acordo com o dom que cada um recebeu, como bons administradores da multiforme graça de Deus”.

Os momentos de interação são realizados com quadros intuitivos: ‘Fala Ellen’ com aplicações da escritora Ellen G. White; ‘Correspondente Internacional’, para contar a experiências missionárias; ‘Selfie Repórter’, para saber a opinião das pessoas a respeito de temas bíblicos e do cotidiano; e o quadro ‘Ide’ para sair na rua e fazer trabalhos voluntários.

A proposta da equipe é ser relevante na comunidade, por isso, o grupo tem como objetivo ajudar a sociedade, e assim, as pessoas sentirem a graça de Deus.

“Fazemos uma Escola Sabatina atraente para o jovem e com esse jeito mais descontraído alcançamos a juventude, criando assim uma identidade”, destaca Danilo Santos, um dos fundadores do projeto.

Danilo exemplifica o projeto como Jesus fazia com os discípulos: trazendo-os para perto, tornando amigos deles para depois difundir a mensagem. “A multiforme é importante para os jovens se sentirem confortáveis e entre amigos, assim eles se sentem pertencentes à Igreja”, sublinhou.

Envolvimento

Todos os programas são transmitidos no Instagram da Multiforme desde o período da pandemia. O atual diretor da equipe, Eder Dorneles, de 21 anos, está a frente dos trabalhos há 3 anos.

Escola Sabatina Multiforme é transmitida pelo instagram. Segundo um estudo feito pela Cuponation com jovens de 17 a 25 anos, o aplicativo a é rede social preferida entre os jovens brasileiros. (Foto: arquivo pessoal)

“Estimulamos os participantes por pontuação. Isso ajuda a envolvê-los nas tarefas como: explicar a carta missionária, fazer o louvor e até mesmo recapitular a lição”, pontua Dorneles.

Eder elenca que a meta é expandir essa forma de fazer a Escola Sabatina para outras Igrejas da região, por ser uma maneira mais fácil de trabalhar com os jovens.

“Eu gosto de ver a participação dos meus amigos e isso me ajuda pessoalmente. Isso mantém a nossa chama acesa”, comenta.

A jovem Giovanna Aguiar de Castro, de 22 anos, participa do projeto desde o início.

“Entrei na Multiforme quando estava começando a frequentar a igreja e conhecer a Cristo. A minha vida anterior não era legal, vejo que a Multiforme me ajudou a me consolidar como Cristã”, afirma a Full Stack Web Developer.

O formato dinâmico atraiu a professora Dayane Silva. Segundo ela essa geração faz o melhor para o avanço da missão.

“O que mais me chamou a atenção são as várias formas de adorar a Deus e todo o grupo se esforça para tornar os encontros especiais. Trabalho a minha forma de comunicar o estudo da lição e isso tem me ajudado espiritualmente”, relatou Silva.

Participar da Escola Sabatina é um dos pilares da Geração Missionária – Temática da Igreja Adventista para a região Centro-Oeste do Brasil. Clique aqui para ouvir os episódios do  Itinerante Podcast em todas as plataformas de áudio e no Youtube:

 

Veja Também


Comentários

WordPress Image Lightbox